Entrevista com Paula Pimenta

Olá leitores! Estou trazendo para vocês entrevista com a escritora Paula Pimenta, autora da séries "Fazendo meu filme" e "Minha vida fora de série" .Tenho certeza que vão gostar! Vamos conferir essa super entrevista? 
Jornalismo na Alma-Como surgiu o desejo de lançar um livro?
Paula Pimenta-Eu sempre quis ser escritora, desde criança. Português sempre foi minha matéria preferida no colégio, eu adorava fazer redações… Na época do vestibular, resolvi fazer Jornalismo, para profissionalizar esse amor pela escrita. Mas logo no começo do curso, eu vi que não era bem aquilo que eu imaginava. Descobri que eu não queria relatar os fatos imparcialmente e, sim, colocar emoção nas linhas. Os meus professores, ao lerem as minhas matérias jornalísticas, perguntavam se eram crônicas. Foi quando eu descobri que era aquilo que eu queria, me colocar dentro da história, opinar, criar. E, por isso, acabei transferindo de curso, para poder ser mais criativa. Me formei em Publicidade e Propaganda. Mas foi com “Fazendo meu filme” que eu realmente descobri que o que eu mais gosto de escrever são romances.

Jornalismo na Alma-Como você configurou os personagens da série Fazendo meu filme? A Fani foi inspirada em alguém? Quem?
Paula Pimenta-Eu peguei algumas características de pessoas que eu conheço e coloquei nos personagens, mas não todas. A Fani se parece um pouquinho comigo, especialmente na timidez, no jeito sonhador, na introversão… A Gabi é um “mix” de várias amigas minhas, o Leo se parece um pouco com o meu melhor amigo de adolescência… Mas realmente são apenas pequenos detalhes que eu incluí nos personagens, a maior parte da personalidade deles eu criei.

Jornalismo na Alma-Qual livro da série Fazendo meu filme foi o mais difícil de ser escrito?
Paula Pimenta-O terceiro. É um livro mais denso. Alguns acontecimentos eu não queria escrever, mas precisava, para o crescimento dos personagens. Eu sofro junto com eles durante as páginas dos livros.

Jornalismo na Alma-Essa série acaba no quarto livro? Se não, já sabe quantos outros irão compor a mesma?
Paula Pimenta-Sim, “Fazendo meu filme 4” será o último da série.

Jornalismo na Alma-Como se sente por ser a grande revelação da literatura juvenil brasileira?
Paula Pimenta-Eu acho que existem várias revelações na literatura juvenil, pois como as pessoas perceberam que os adolescentes (ao contrário do que muitos pensavam) gostam de ler, os livros direcionados para esse público têm aumentado. Mas eu não esperava que meus livros fossem agradar tanto, foi uma surpresa! Quando “Fazendo meu filme 1” foi lançado, eu nem de longe imaginava que ele passaria da 1ª edição. Fiquei até meio triste um dia depois do lançamento, pensei que meu sonho (de ter publicado um romance) terminaria ali. Quando comecei a receber e-mails de leitores que eu nem conhecia, elogiando e pedindo a continuação, eu fiquei eufórica! Aos poucos os e-mails começaram a ser uma realidade diária e eu percebi que realmente o livro estava se popularizando. Já estamos na 8ª edição de “Fazendo meu filme 1”, mais de 50 mil livros vendidos, mas ainda hoje eu me alegro com cada elogio, cada e-mail, cada scrap, cada recadinho no twitter… E – como no primeiro livro – ainda fico ansiosa antes do lançamento dos livros novos, com medo de que as pessoas não gostem…

Jornalismo na Alma- A série "Minha vida fora de série" será composta por quantos livros?
Paula Pimenta-Planejei quatro livros, mas como a série ainda está muito no começo, pode ser que esse número mude.

Jornalismo na Alma- No site de "Minha vida fora de série" os personagens tem trilha sonora e até seriados preferidos. Acredito que isso faça com que os personagens ganhem mais vida. Quem teve essa ideia?
Paula Pimenta-Eu fiz questão de colocar nos dois sites (Fazendo meu filme – www.fazendomeufilme.com.br e Minha vida fora de série – www.minhavidaforadeserie.com.br) as músicas, os filmes e tudo mais que fizesse com que os leitores se sentissem “amigos” dos personagens. Eu brinco que coloquei nos sites os “extras do DVD”! Sabe quando a gente vê um filme e adora, e aí fica querendo saber mais e vai lá nos “extras” para ver os comentários do diretor, entrevista com os atores... Eu tentei fazer exatamente isso com meus livros. A ideia foi minha já na época da escrita do livro. Eu queria que a “experiência” da leitura fosse completa, que as pessoas pudessem escutar as músicas que os personagens falam a respeito, vissem as ceninhas dos filmes e seriados que a Fani e a Priscila gostam... e por aí vai.

Jornalismo na Alma- Qual a maior dificuldade que enfrentou para publicar seus livros? Como superou essa situação?
Paula Pimenta-Com certeza foi conseguir uma editora. Nas duas primeiras que eu tentei, nem quiseram ler o meu livro. O dono de uma delas falou inclusive que “adolescentes não leem livros grossos”! Na época não tinha Crepúsculo ainda, mas tive vontade de perguntar se ele nunca tinha ouvido falar de Harry Potter, pois o sexto volume da série tinha acabado de ser lançado e tinha o dobro do tamanho do meu livro! Mesmo depois que consegui uma editora, tive que esperar quase dois anos pra ter o meu livro publicado, pois havia um cronograma de publicações que precisava ser respeitado. A maior dificuldade foi essa, o começo, pois as editoras brasileiras são muito resistentes a publicar livros de autores iniciantes.

Jornalismo na Alma- Com sente-se com a receptividade das pessoas que leram a obra?
Paula Pimenta-Fico muito satisfeita de saber que eu tenho agradado uma larga faixa etária. Não só os adolescentes, mas também as crianças, os pais e até os avós têm lido e gostado dos meus livros e isso me deixa imensamente feliz!

Jornalismo na Alma- Diga um autor preferido no Brasil? Por quê?
Paula Pimenta-Martha Medeiros. Sou muito fã dela, os primeiros livros. Seja escrevendo poesias, crônicas, contos ou romances, ela é imperdível! Ela me influenciou muito. Como ela, eu comecei escrevendo poesias, depois passei pra crônicas e só então me arrisquei a escrever um romance.

Jornalismo na Alma-Diga um autor estrangeiro preferido? Por quê?
Paula Pimenta-Meg Cabot. Ela é a minha maior influência. Adoro e indico tudo que ela escreve. A imaginação dela parece ser infinita!

Jornalismo na Alma-Qual a dica que você daria para futuros escritores?
Paula Pimenta-Em primeiro lugar, acho que é importante ler muito. Geralmente, quem gosta de ler e tem esse hábito, escreve bem. Devemos também escrever sobre o que gostamos, pois quando escrevemos com paixão, os leitores sentem isso. Escrever sobre o que realmente conhecemos é importante também. Ao escolher um tema, certifique-se que você domina o assunto, para não se perder no meio da história. Depois que o livro estiver pronto, é preciso muita paciência e força de vontade pra procurar uma editora. Acho que esses são os passos fundamentais para quem quer escrever e publicar um livro.

Jornalismo na Alma-Para encerrar gostaria de fazer um bate e volta com você.
Paula Pimenta-Uma pessoa: Minha mãe.
Um desejo: Atualmente meu maior desejo é que “Fazendo meu filme” vire um filme.
Um livro: Griffin & Sabine (Nick Bantock).
Uma música: Linger (The Cranberries).
Uma comida: Chocolate.
Uma bebida: Coca Zero.
Uma frase: “Nenhum filme é melhor do que a própria vida” (Fani - Fazendo meu filme 1).
Animal de estimação: Tenho sete cachorros e dois gatos...
Filhos: Algum dia...
Dinheiro: Suficiente.
Felicidade: “Aprendi que a felicidade é uma opção. Ela mora em todo lugar. Basta que a gente permita que ela nos faça companhia.” (Fani - Fazendo meu filme 3).
Fama: Tem um lado bom e um lado ruim.
Religião: Acredito em Deus.
Blogueiros: Formadores de opinião da atualidade.
Falsidade: A gente tem que aprender a enxergar.

(Paula Pimenta)

Sobre a autora
Paula Pimenta nasceu em Belo Horizonte – MG. Desde criança apresentou aptidão para a escrita e por esse motivo prestou vestibular para Jornalismo, embora tenha transferido para Publicidade, após dois anos, curso no qual se formou na PUC Minas. Como publicitária, trabalhou na Rede Minas, como produtora do programa Brasil das Gerais e como assessora de marketing no Minascentro. Estudou também Música na UEMG, deu aulas de violão e técnica vocal por vários anos e é compositora.

Sua carreira de escritora começou em 2001, com o lançamento do livro de poemas “Confissão”. Na mesma época, foi convidada para ser colunista do site “Crônica do Dia”, onde escreveu por vários anos. Tem um acervo de mais de 100 crônicas que pretende um dia reunir em um livro.
Paula Pimenta ficou realmente conhecida do grande público em 2008, quando lançou “Fazendo meu filme 1” pela editora Gutenberg. Lançou “Fazendo meu filme 2” em 2009 e “Fazendo meu filme 3” em 2010, que como o primeiro, são grandes sucessos juvenis. O quarto livro da série – “Fazendo meu filme 4” – será lançado em 2012. Em 2011 lançou o primeiro livro de uma nova série, “Minha vida fora de série”.

Contato
http://paulapimenta.com                                                           

15 comentários:

  1. Gostei mt da entrevista, e gostei mt da dica dela sobre os escritores futuros ^^
    http://blogdaingridzinha.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Que pessoa mais fofa! Adorei a entrevista!
    Me identifiquei demais com a primeira resposta dela.
    Beijos
    http://www.giselecarmona.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Adorei a entrevista. Além de inteligente ela é legal. Feliz 2012. Beijos
    http://meuspreciosospes.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Adorei o bate e volta, não sabia do tamanh da dificuldade em publicar um livro, é uma pena :/

    www.julianaleiteg.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Adorei o bate e volta, não sabia da dificuldade em publicar um livro, uma pena :/

    www.julianaleiteg.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Adoreei a entrevista Paloos!
    e respondendo a sua pergunta, eu quero participar siim!
    meu email: larykota@hotmail.com

    Beijãão e obrigada pelo convite
    larysilvestre.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. eu amei esta entrevista e! eu sempre tenho a vontade de escrever um livro, mais um guia de moda com uma lingagem bem facilitada mais acabo sempre adiando o início da escrita!

    amei tudo por aqui e passei a te seguir! se você puder me siga também!

    http://wwwmaismoda.blogspot.com

    beijos e abraços!

    ResponderExcluir
  8. eu também sonhaaava em escrever um livro.. ainda vou fazê-lo, e aparecer aqui, haha.
    thá mendes
    http://rockssip.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. Nossa, super interessante a intrevista! Já votei no Jornalismo na Alma na enquete do lado direito no http://yesteens2.blogspot.com/ viu? hehe Ah, tem post novo no blog, depois dá uma passadinha por lá, seria uma honra recebê-la novamente! Beijos.

    Carol Chicorsqui
    http://gotasdeumapaixao.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  10. Muito bem elaboradas suas perguntas,e ela é muito fofa mesmo.Sucesso!
    http://pamelacomelas.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  11. adoreeei essa entrevista

    participa do concurso que ta rolando no meu blog para ajudar, nao custa nada né shaushau

    http://garotoonerd.blogspot.com

    ResponderExcluir
  12. Ótima entrevista!
    Beeijos;
    http://cristiny88.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  13. Bom dia amiga! Estou de volta ao blog, muito obrigado pelo comentário e agradeço pela visualização do vídeo, Beijos e feliz 2012 ^^ Adorei a novo visual do blog e ja votei em ótimo ;)ótima entrevista tbm,desejo sucesso pro seu blog.. xoxo

    http://dezahoffmannmoda.blogspot.com

    ResponderExcluir
  14. mto lindinha essa
    guria nunca tinha visto o trabalho dela mto legal
    ameiii
    flor ja votei muito antes de vc pedir
    torcendu por tiii
    beijos

    http://pinagirlscris.blogspot.com

    ResponderExcluir
  15. supeeeer AMO a Paula Pimenta
    parabens pela entrevista!!!!!


    www.minhavidaresumida.blogspot.com

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.