Entrevista com o escritor Robson Glória

Olá querido! Estou trazendo para vocês entrevista com o escritor Robson Glória, parceiro do Jornalismo na Alma. Ela escreveu o livro Justiceiro Implacável, que foi publicado pelo Clube de Autores. Vamos conferir essa super entrevista?
Jornalismo na Alma-Como surgiu o desejo de lançar um livro?
Robson Glória-Essa é uma paixão antiga, mas a falta de tempo me impedia de dar a ela a atenção que queria. Assim, escrevia pequenos textos nas horas vagas, que sempre recebiam elogios de quem os lia. Quando me aposentei em 2010, vislumbrei a oportunidade de poder  me dedicar integralmente ao meu antigo sonho.

Jornalismo na Alma- Como você configurou os personagens do livro? 
Robson Glória- Primeiramente, eu defini qual seria o rumo que daria à história. Qual estilo de literatura eu queria escrever? Com esses pontos definidos, criei as personagens necessárias para dar ritmo a ela sem, contudo, me inspirar em ninguém. A única fonte de inspiração buscada na realidade é a questão política da trama. 

Jornalismo na Alma- Quanto tempo levou para escrever o livro?
Robson Glória- A primeira etapa da criação levou cerca de três meses. Depois passei mais dois meses cuidando de uma reformulação na forma de contar a história, de forma a deixá-la mais fácil e agradável de ser lida. A idéia era fazer que as pessoas lessem o livro como se elas estivessem assistindo a um filme, imaginando quem dentre seus atores preferidos poderia interpretar as personagens. 

Jornalismo na Alma- Como surgiu a escolha do nome da obra?
Robson Glória- O nome foi escolhido de forma a definir claramente a principal característica da personagem central da história.

Jornalismo na Alma- Porque resolveu republicar o livro?
Robson Glória- Como é uma publicação independente, sem vínculo com editoras, o livro não passou pelas mãos de um revisor profissional. À medida que as pessoas liam, eu recebia alguns comentários a respeito de pequenos erros que passaram despercebidos. Resolvi fazer uma nova revisão e descobri também algumas passagens que poderiam ser contadas de forma diferente, assim, tirei-o do site do Clube de Autores onde estava à venda e fiz uma reformulação e revisão.

Jornalismo na Alma- Sobre qual tema escreveria um outro livro?
Robson Glória- Já estou escrevendo outro que tem como tema as consequências que a prática do bullying pode trazer à vida das pessoas e que tem como título provisório: 
Bullying: A vingança
No passado elas destruíram vidas. Agora, alguém resolveu cobrar essa conta.

Jornalismo na Alma- Qual a sensação de lançar um livro de forma independente?
Robson Glória- É uma situação que provoca duas sensações distintas. A primeira é a frustração de não ter conseguido despertar o interesse de uma editora  que poderia disponibilizar a obra em livrarias físicas. A segunda, em contrapartida, é a de realização e gratidão por ter uma oportunidade de ingressar nesse universo tão fechado que é o literário.

Jornalismo na Alma- Como é fazer parte do Clube dos autores?
Robson Glória- É ótimo, pois tenho a oportunidade de realizar um sonho. Em um  mercado que não dá oportunidade aos iniciantes, essa é uma ótima forma de mostrar meu trabalho.

Jornalismo na Alma- Com sente-se com a receptividade das pessoas que leram as obras?
Robson Glória- Feliz. O retorno tem sido muito positivo e, como eu falei anteriormente, os comentários que recebi mostram que eu consegui o objetivo almejado.

Jornalismo na Alma- Tem planos para 2012 no universo da literatura? 
Robson Glória- Sim. Vou continuar lutando para ver o Justiceiro à venda nas livrarias físicas e pretendo também lançar o outro livro.

Jornalismo na Alma- Diga um autor preferido no Brasil? Por quê?
Robson Glória- Como sou fã da literatura policial, e esse é um ramo ainda em crescimento no Brasil, tenho como preferidos para leitura autores estrangeiros, como Arthur Conan Doyle, Agatha Christie e Georges Simenon, mas um escritor brasileiro que sempre admirei por sua capacidade de desnudar a personalidade do povo brasileiro com maestria, mostrando suas facetas mais intrínsecas, foi Jorge Amado.

Jornalismo na Alma- Qual a dica que você daria para futuros escritores?
Robson Glória- Perseverança. Assim como eu sou um escritor iniciante e não vou desistir nunca, aconselho a quem quiser ingressar na literatura que faça o mesmo. Sites como o Clube de Autores estão em crescimento e são ótimas ferramentas para mostrarmos nosso trabalho.

Jornalismo na Alma- Para encerrar gostaria de fazer um bate e volta com você.
Robson Glória-
Uma pessoa: Impossível escolher uma sem ser injusto com muitas outras. Acredito que todas as pessoas que passaram por minha vida tiveram e têm sua devida importância.
Um desejo: Ter meu trabalho reconhecido
Um livro: Justiceiro Implacável
Uma música: Várias, dependendo do astral.
Uma comida: Carnes.
Uma bebida: Cerveja
Uma frase: “Aquele que não pune o mal, ordena que ele seja feito” (Leonardo da Vinci)
Animal de estimação: Cachorro. 
Filhos: Um casal.
Dinheiro: Essencial.
Felicidade: Necessidade
Fama: Dispensável 
Religião: Não tenho
Blogueiros: Peças importantes de comunicação no mundo atual. Recomendo o http://nossoplanetasaude.blogspot.com. Que eu publico.
Falsidade: Principal característica da maioria dos seres humanos.
(Robson Glória)

Confira mais sobre o autor e a obra clicando AQUI!

7 comentários:

  1. É tão gostoso ler coisas boas, palavras bem escretas e respostas inteligentes!!!
    Adorei *-*

    Beijos lindona, bom final de semana
    Luh

    http://luanaflordemulher.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Bem legal a entrevista! Não conhecia o autor :}

    Beijos ><
    http://mon-autre.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Adoro ler as entrevista que vc faz, é super legal!

    Beijos da ká

    http://rosaoulilasqualvocegostamais.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Olá :)
    Adorei a entrevista *-*
    Principalmente a parte de autores preferidos *-*

    Abraços e tenha um excelente final de semana
    _______________________
    RIMAS DO PRETO

    ResponderExcluir
  5. Muito legal a entrevista. Achei interessante o tema do novo livro: Bullying.
    Meu irmão passou por isso e ainda se fala pouco sobre isso.

    ResponderExcluir
  6. Tipo assim, sem comentários em amei a entrevista www.papo-de-meniina.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. Parabens pelas entrevistas e pelas parcerias com esses escritores cheios de talentos, fico maravilhada com seu empenho de traze-los ate seu blog.
    Bj

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.