Entrevista com a escritora Cyntia Bandeira Lino



Olá queridos! Estou trazendo para vocês entrevista com a escritora Cyntia Bandeira Lino, que está iniciando a carreira literário recentemente. Ela escreveu o livro Desabafos de Mulher .  A obra foi publicada pelo clube de autores e a Cyntia é uma autora independente. Espero que gostem, pois ela é super simpática e enviou respostas super elaboradas.Vamos conferir essa super entrevista?


Jornalismo na Alma-Como surgiu o desejo de lançar um livro?
Cyntia Bandeira Lino-Uma colega do ginásio me via escrevendo frases na lousa durante o recreio,e achou muito legal.Ela disse que um dia eu deveria começar a escrever livros.

Jornalismo na Alma-Você criou Ester inspirada em alguém?
Cyntia Bandeira Lino-Me inspirei em cerca de 30 pessoas,sendo que algumas eu conheci,umas meu pai contou a historia e outras minha mãe e minha avó me contaram a historia.

Jornalismo na Alma-Quanto tempo levou para escrever Desabafos de Mulher?
Cyntia Bandeira Lino-Levei cerca de 3 meses para escrevê-lo e 1 mês para fazer a correção e cortes.

Jornalismo na Alma-Como surgiu a escolha do nome do livro?
Cyntia Bandeira Lino-Eu havia pensado em Desabafos de uma mulher amargurada.Mas um amigo meu achou que ficaria muito extenso.Então,ele sugeriu o nome Desabafos de mulher.

Jornalismo na Alma-Na sua opinião, mesmo com a era da internet as pessoas continuam escrevendo nos diários de papel?
Cyntia Bandeira Lino-Eu acredito que sim. Sempre tem os nostálgicos que tem como fieis companheiros o caderno e a caneta.

Jornalismo na Alma-Como é escrever um livro que trata da questão violência?
Cyntia Bandeira Lino-Olha,foi um trabalho de grande responsabilidade,porque coloquei sentimento nas palavras da personagem principal.

Jornalismo na Alma-Sobre qual tema escreveria um outro livro?
Cyntia Bandeira Lino-Eu já escrevi.Desta vez foi sobre problemas sociais.Mas não posso entrar em detalhes agora,pois ele está sendo organizado,em fase de correções.

Jornalismo na Alma-Como descobriu o Clube de Autores? É uma boa dica para novos escritores?
Cyntia Bandeira Lino-Foi um amigo,que é escritor,dramaturgo e ator de teatro que me indicou o site da editora.Sim é uma ótima editora,pois abre espaço para os novos escritores.

Jornalismo na Alma-Com sente-se com a receptividade das pessoas que leram sua obra?
Cyntia Bandeira Lino-Modéstia a parte,mas todos que estão lendo o livro estão adorando!Estou recebendo boas críticas,que estão contribuindo para os meus próximos livros.

Jornalismo na Alma-O que você acha do incentivo a arte e cultura no Brasil?
Cyntia Bandeira Lino-A prefeitura da cidade onde nasci e sempre morei,São Paulo,faz sempre trabalhos culturais muito importantes.O problema é que a grande parte da população considera cultura coisa de gente da elite ou de gente desocupada.Parece meio radical isso que declarei agora,mas é mais pura verdade.

Jornalismo na Alma-Como fazer com que as pessoas leiam mais?
Cyntia Bandeira Lino-Todos os estados brasileiros deveriam fazer campanhas de leitura muito sérias para o povo.As empresas também deveriam contribuir com isso,estimulando seus funcionários a lerem livros.Uma sugestão bacana é,por exemplo,fazer concursos do tipo,quem ler mais livros durante o ano,ganha um bônus de 5 mil reais no 13º salário.Seria sensacional ver toda a população brasileira com livros em mãos e apreciando a leitura.


Jornalismo na Alma-Como seria seu paraíso literário? Por quê?
Cyntia Bandeira Lino-Livrarias,bibliotecas e meu quarto,porque são os três lugares que eu acho mais fascinantes no mundo!

Jornalismo na Alma-As pessoas costumam julgar o livro pela capa? Por quê?
Cyntia Bandeira Lino-Porque a capa acaba sendo um cartão de visitas,como é o caso do traje que as pessoas usam.É uma realidade um tanto quanto complicada de se entender.

Jornalismo na Alma-Se pudesse ser um personagem literário , qual seria? Por quê?
Cyntia Bandeira Lino-Eu adoraria ser a Agnes,do livro David Copperfield,de Charles Dickens.Porque ela é que acaba com o sofrimento do personagem principal.Agnes é muito paciente e altruísta.Ela soube esperar a sua hora de ser feliz.É um bom exemplo de ser humano.

Jornalismo na Alma-Diga um autor preferido no Brasil? Por quê?
Cyntia Bandeira Lino-Uma de minhas autores preferidas é a Thalita Rebouças.Porque ela escreve com o sentimento,procurando valorizar e entender o papel dos jovens em nossa sociedade.

Jornalismo na Alma-Diga um autor estrangeiro preferido? Por quê?
Cyntia Bandeira Lino-Com certeza é o Charles Dickens,porque ele escrevia sobre a realidade de seu tempo,não tendo medo de represálias.

Jornalismo na Alma-Qual a dica que você daria para futuros escritores?
Cyntia Bandeira Lino-Se eu fosse dar todas as dicas que eu quero, eu ficaria meses falando sem parar(risos). Mas darei algumas resumidamente:

         *Sejam leitores assíduos, ratinhos de biblioteca, bancas de jornal, sebo e livraria!Ler é a primeira base para começar a escrever.

         *Leiam de tudo, sempre. Desde os clássicos,autores novos até gibis e livros infantis.Leiam de tudo!Enciclopédia e dicionário também são ótimas leituras, na minha humilde opinião.

         *Escrevam sempre sobre assuntos que vocês amem que vocês conhecem muito bem e que vocês dão bastante importância.Nada de escrever sobre o que não gostam,porque certamente sairão textos muito negativos,de baixa qualidade.


         *Nunca escrevam textos artificiais, apenas com intenção de agradar. Mas,sim, escrevam com o coração,textos profundos,verdadeiros,que saiam da sua alma.

         *Nunca se deixem abater pelas criticas negativas que venham a receber. Os despeitados sempre aparecem.Tomem as criticas como fortalecimento para seus trabalhos literários.

        *E um último toque: NUNCA, JAMAIS DESISTAM!VÃO EM FRENTE!TENHAM CORAGEM E MUITO, MAS MUITO PENSAMENTO POSITIVO!

Jornalismo na Alma-Para encerrar gostaria de fazer um bate e volta com você.
Cyntia Bandeira Lino-Vamos lá.Estou preparada!

Uma pessoa:Vou citar quatro pessoas que tenho muito carinho e admiração:Arlindo Lopes,José Picchi(Marcelo Picchi antigamente)Flávio Guarnieri e Diogo Picchi.Eles são muito especiais,porque são atores que batalharam muito para construírem suas carreiras,são exemplo de humildade,simpatia e amor ao próximo.

Um desejo:Estudar  teatro e fazer bons trabalhos nessa área,se possível em televisão também e na literatura.

Um livro:Essa pergunta é bem difícil,mas vamos lá.Um dos livros que mais me emocionou foi Feliz ano velho,de Marcelo Rubens Paiva.Outro que me fez refletir foi o fala sério,amiga,da Thalita Rebouças.

Uma música:Canção da América,de Milton Nascimento

Uma comida:Panqueca

Uma bebida:Espumante de pêssego

Uma frase:”Por que olhar uma folha de arvore,Quando Deus te deu a floresta toda para desfrutar?”(Essa frase fui eu que criei)

Animal de estimação:Uma cadela muito linda,a Kiara.

Filhos:São presentes para os pais. Ainda não tenho filhos,mas um dia,gostaria de ter.

Dinheiro:É importante para a sociedade,mas não deve ser considerada como a coisa mais sagrada do mundo,como infelizmente acontece desde que foi criado.

Felicidade:É algo a ser conquistado a cada dia que passa.

Fama:Uma coisa muito linda,desde que ela não estrague a vida das pessoas.

Religião:Deve ser usada para guiar as pessoas até Deus,porém,nunca deve escravizar a vida do ser humano.Toda e qualquer tipo de crença merece ser respeitada.

Blogueiros:Ótimos comunicadores e importantes parceiros no meu trabalho de escritora.Só tenho que agradecer a eles pela grande ajuda e pelo espaço que me abrem para eu divulgar e falar sobre meu trabalho.

Falsidade:É um câncer da sociedade,que parece que nunca é extirpado!Não existe nada mais horrível do que uma pessoa hipócrita,fingida.Não suporto falsidade.

Cyntia Bandeira Lino
(Cyntia Bandeira Lino)

Contato



E-mail
cyntiabl@ig.com.br

Twitter
cyntiaBandeira

33 comentários:

  1. Muito boa a entrevista Paloma.
    Parabéns.

    Ane
    http://www.diariovirtualdaane.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Oi querida, adorei seu blog! Depois passe no meu para conhecer!!!

    Beijinhos

    http://bistrodamoda.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Adorei a entrevista! Ela é super simpática! Concordo quando ela diz que as pessoas acham que arte e cultura é para desocupados,quando convido meus amigos para teatros ou para ver livros em uma livraria,eles acham super chatos,e juro que não entendo,já que adoro rs
    wolftheideia.blogspot.com.br

    Tá rolando um jogo no meu blog,não deixe de participar http://wolftheideia.blogspot.com.br/2012/07/jogo-desvendando-o-guarda-roupa.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Carla,em primeiro lugar muito obrigado pelo elogio.
      Você faz bem em convidar seus amigos para irem ao teatro,pois teatro é colírio para os olhos da alma!
      Seus amigos provavelmente precisam de mais estimulo.Sei que voce conseguirá estimulá-los bj

      Excluir
    2. Olá Carla em primeiro lugar obrigado pelo elogio!
      Você faz muito bem em levar seus amigos ao teatro,porque teatro é o colírio dos olhos da alma!
      Se seus amigos hoje acham chato irem a locais culturais,você vai conseguir convence-los que é maravilhoso ir a esses locais!Sei que você é capaz disso bj

      Excluir
  4. amei a entrevista,fiquei curiosa pra ler o livro dela, ah e vou seguir as dicas delas pra escrever meu livro pelo menos a dica número 1 eu já sigo rs
    beijos
    http://lolamantovani.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lola,muito boa sorte com seu livro.Depois quero ve-lo bj.

      Excluir
  5. Amei a entrevista, admito que não conheço a escritora, mas parece ser um fofa, fiquei curiosa para ler o livro ^^
    http://themudancas.tk/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigado pelo fofa viu?E te agradeço por ter prestigiado a entrevista!felicidades!

      Excluir
  6. Adorei a entrevista floor ^^ Ainda não tinha ouvido falar sobre ela :)

    http://souzadiinha.blogspot.com.br
    Beijos |O|

    ResponderExcluir
  7. Já estou de olho nesse livro!!!
    Entrevista sensacional, adorei!
    Concordo qdo ela diz que o povo na sua maioria pensa que pra ter cultura precisa ser rico ou desocupado, lamentável...tb vivemos em um país em que não se incentiva as pessoas a pensarem por si próprias, ter e e dizer suas opiniões, ter senso crítico, questionar e assim por diante, qto mais incentivar a cultura,ainda estamos longe disso!Já estão chegando as eleições época que os sangues-sugas se aproveitam dessas pessoas! Para que eles vão querer um país de maioria que pense? Eita Lomita, até fugi do post...e que fico z. da vida qdo penso nesse assunto.
    E esse concurso/estímulo q ela citou quem dera, quem dera...vamos sonhar o futuro a Deus pertence, nada é impossível
    Adorei as dicas que ela deu pra os futuros escritores, creio que sirva para todos, eu os peguei pra mim!
    Gostei tb do bate e volta...e concordo que a falsidade é um câncer da sociedade, está se alastrando...mas que não vai nos atingir nunca, né amiga
    Bjkas e fica com Deus!
    Daqui a pouco estou te mandando e-mail com o n° do seu rastreamento

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Patricia,fico feliz pelo seu interesse no meu trabalho.
      Adorei as coisas que você disse.
      Espero que você possa adquirir meu livro.Beijos.

      Excluir
  8. Super entrevista
    OBRIGADA POR PARTICIPAR DO SORTEIO!
    BOA SORTE!!
    PASSANDO PARA DESEJAR
    ÓTIMA SEMANA! ♥
    ♥ Beijos coloridos!

    ResponderExcluir
  9. Já ouvi falar nela, eu gostei da entrevista.
    Beijos
    itsmarianna.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Puxa vida,mMariana!Então você ouviu falar de mim?Mas que legal!
      bjs

      Excluir
  10. Gostei da proposta do livro e de como surgiu a ideia, alguns escritores não sabem sobre seu talento até que alguém leia

    http://enfimshakespeare.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Adorei a entrevista, ainda não tinha lido nada sobre o livro dela, mas fiquei interessada. Ela participa de alguns grupos de carta que eu participo, mas nunca cheguei a trocar cartas com ela, haha.

    Beijo

    ResponderExcluir
  12. Nossa, Você realmente é um amor de pessoa ! Pode ficar
    me esperando por que vou ficar sempre de olho aqui em ? Haha
    beijos linda;

    www.interligada-i.blogspot.com

    ResponderExcluir
  13. Nossa adorei a entrevista!

    Beijos,
    Mundorosaachock.blogspot.com

    ResponderExcluir
  14. Adorei, não conhecia mas vou conhecer parte do seu livro agora.

    http://iasmincruz.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Adorei a entrevista. Esse livro parece bom.
    http://startdreamy.net.tc

    ResponderExcluir
  16. Lindoo'
    Adorei seu blog,muito fofo'

    samarakerle.blogspot.com.br

    Bjooos'

    ResponderExcluir
  17. ótima entrevista.
    http://blogcantinhodameninacrista.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  18. otima entrevista.
    http://blogcantinhodameninacrista.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  19. Que bacana Paloma. Gostei demais!

    ResponderExcluir
  20. Nossa, eu sou essa pessoa nostálgica que usa caderno e caneta *-*
    adoro, não tem coisa melhor!
    Mas, assumo que na correria vou direto no computador.
    ah, é, ás vezes bate uma vontade de ser o que você nem sabe se é possível, né?

    ResponderExcluir
  21. Gostei!
    É um gênero que muito me agrada.

    Beijinhos :**
    Carol
    www.umblogsimples.com

    ResponderExcluir
  22. Eu quero agradecer de coração por todo o carinho e apoio que recebi por meio destes comentários!
    E peço por favor que as pessoas continuem a postar seus comentarios aqui.Convido tambem que as pessoas deixem seus comentarios no site do meu livro,que é http://www.clubedeautores.com.br/book/127452--Desabafos_de_Mulher
    Um super beijo a todo mundo!

    ResponderExcluir
  23. Olá, meu nome é Érika de Paula. Adorei a entrevista sobre o livro de Cyntia Bandeira Lino. Ela é super simpática, bem amiga mesmo. E, olha, eu lí o livro inteiro em um dia só, recomendo a todos que quiserem comprar neste link http://www.clubedeautores.com.br/book/127452--Desabafos_de_Mulher
    A autora escreve de maneira profunda todo o drama de uma mulher sofrida com a violência e todas as injustiças da vida, se baseando em histórias verdadeiras do cotidiano.
    Ester, a personagem, reflete em muitas pessoas que já sofreram e ainda sofrem com estas injustiças da vida
    Parabenizo a autora Cyntia por abordar as tais injustiças em seu livro.

    ResponderExcluir
  24. legal o livro feminista, relatando sobre todo o drama das mulheres

    ResponderExcluir
  25. De fato,Desabafos de Mulher retrata dramas vividos por milhares de mulheres.Sobre o livro ser feminista,isso já não posso afirmar.A única coisa que posso dizer é que ele foi escrito com todo o meu coração.

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.