Entrevista com escritora Joice Lourenço

Entrevista Jornalismo na Alma
Olá meus leitores!O Jornalismo na Alma traz entrevista com a autora Joice Lourenço, que escreveu Simplesmente Ame. Abaixo vocês podem conhecer um pouco mais sobre a escritora e também o livro.Vamos conferir?
Sobre o livro
“Um livro envolvente, emocionante, cheio de aventura e mistério.Impossível não gostar” Gleize Costa, autora de “As filhas do Rei – Corações em chamas”
Melissa leva uma vida sem grandes emoções, praticamente escondida atrás do balcão da sorveteria em que trabalha. Mas, quando menos espera, a própria vida resolveu lhe sorrir e a colocou frente a frente com Érique. De início ele não parecia ninguém importante, mas, em pouco tempo, os braços fortes e acolhedores daquele rapaz passaram a ser o único refúgio de Melissa. No entanto, as coisas não saíram como ela planejava. Depois de tantos acontecimentos estranhos e inesperados as armadilhas do destino acabaram separando o casal. Por que, de repente, tudo começou a desmoronar e nada mais parecia fazer sentido? Melissa precisava de respostas, mas ninguém, absolutamente ninguém, as queria dar e ela não sabia mais com quem contar. Estava rodeada de segredos e mistérios. Afinal, o que estava acontecendo?


Jornalismo na Alma-Quando surgiu o desejo de ser escritora?
Joice Lourenço- Foi sem querer querendo...rs Amo romances desde sempre, então conheci a Série Cris e me apaixonei pelos personagens e o jeito como a autora Robin escrevia. Inspirada por isso comecei a escrever, mas apenas por prazer e diversão. Gostava de ficar inventando história e depois minha amiga e minha irmã sempre liam.
Conforme fui crescendo e amadurecendo, da mesma ideia essas histórias começaram a amadurecer também. Então o desejo brotou de querer que as pessoas conheçam minhas histórias e graças a Deus depois de anos de empenho e dedicação, estou me realizando e muito feliz em ser escritora. Não escrevo para mim, escrevo para os outros, afim de fazer a diferença de alguma forma na vida dos leitores.
Jornalismo na Alma-Qual a maior dificuldade que um escritor enfrenta?
Joice Lourenço-Escrever é a parte mais fácil, mas na minha opinião o mais difícil mesmo é achar uma editora e fazer seu livro ser conhecido, quando o autor decidi ser independente. Mas com muita perseverança e dedicação, o autor consegue.  Como diz a querida autora Sheila Ribeiro Mendonça: "É um trabalho de formiguinha". Mas vale a pena ver o resultado.
Jornalismo na Alma-Sobre o que fala o livro Simplesmente Ame? É seu primeiro livro publicado?
Joice Lourenço-Tenho uma participação na coletânea Um pouco de nós, mas o Simplesmente ame é o meu primeiro romance publicado. Ele é o primeiro de uma série de quatro livros.
É uma história linda, delicada, profunda e misteriosa. Fala sobre o amor, a família, violência doméstica, perdão e quanto o amor pode nos surpreender. É uma história dentro de outra que torna tudo muito mais surpreendente!
Jornalismo na Alma-Melissa é uma jovem um pouco solitária inicialmente, certo? Como que a força de um amor pode transformar a vida de uma pessoa?
Joice Lourenço- O amor abre a mente e o coração, faz nos sentir coisas que antes talvez não sentíamos ou não pensávamos. O amor faz a gente querer ser uma pessoa melhor. Aprendemos a ver quem somos, faz nos amadurecer. Quando amamos queremos o melhor para a pessoa amada. Queremos cuida-la de todas as formas, pois é algo preciso, um tesouro.E isso tudo aconteceu com Melissa que tinha uma vida solitária até encontrar Érique, um jovem que desperta algo dentro dela. Mesmo que ambos demorem a admitir que existe algo entre eles e quando finalmente ficam juntos, o destino faz as coisas mudarem de direção.
Jornalismo na Alma-Como escolheu o título do livro?
Joice Lourenço- A ideia desde o início era mostrar o poder do amor. Por mais que as pessoas tenham diferença o amor é o que sempre as uni. Por isso Simplesmente ame. É algo que devemos levar para nossos dias. Por mais que as vezes seja difícil, Simplesmente amar é a melhor escolha, e só nos acrescenta, só faz bem para a gente.
Jornalismo na Alma-Como confeccionou a capa?
Joice Lourenço-Quando estava à procura de uma imagem para o meu filho, tive a ideia de ver umas fotos da minha sobrinha que ama tirar fotos...rs E o incrível aconteceu, achei a foto perfeita e com alguns reparos se tornou a capa oficial do livro. Tem tudo a ver com a história.
Jornalismo na Alma-Se pudesse ser um personagem da literatura, qual seria? Por quê?
Joice Lourenço-Pergunta difícil. É tantos personagens, tantas histórias. Difícil dizer.
Mas vamos lá, acho que a Katie da Série Katie (Robin Jones Gunn) pelo seu jeito de viver a vida, sempre entusiasmada. E a Cris da Série Cris (Robin Jones Gunn) por que é uma menina doce e também muito parecida comigo. E também tem a Amanda de "Uma herança de amor", amo o jeito dela de ser.
Enfim, não consigo dizer apenas um, já que são tantos personagens...hehehe
Jornalismo na Alma-Qual livro está na sua lista de desejos? Por quê?
Joice Lourenço-Minha nossa, sinceramente, não tem como falar apenas um livro, por que não saberia escolher. Mas vários nacionais estão na minha lista como Outono dos sonhos, Quero ser Beth Lewit, Do outro lado da memória, A Ovelha e o dragão, Louca por você, Eu meu pais e outros amores... Tem muitos ainda. Os livros nacionais são maravilhosos e tenho me surpreendido com nossos autores.
Jornalismo na Alma-Sobre qual tema escreveria um outro livro?Por quê?
Joice Lourenço-Hum... Um policial. Comecei a escrever ano passado, mas parei. No entanto quero termina-lo ainda, assim que terminar meus projetos. Gosto de escrever histórias com mistérios, e deixar os leitores curiosos. Acho legal experimentar novos gêneros. Já escrevia fantasia, romance e na lista está um policia. Mas ver o que vai acontecer ;-)
Jornalismo na Alma-Como é ser um autor independente? 
Joice Lourenço-Não é fácil, ainda mais quando você não é conhecido no começo; Você tem que batalhar, divulgar direto seu livro. Procurar estar sempre em sintonia com o mundo da leitura e principalmente ser atenciosa com todos. É legal quando você te o retorno do leitor, é maravilhoso. Mas vale a pena todo o esforço. Mesmo não tendo uma editora ao seu lado, há muitos autores e leitores que torcem e ajudam como podem.
Jornalismo na Alma-Como sente-se com a receptividade das pessoas que leram as obras?
Joice Lourenço-Estou amando cada resenha e comentário que leio. É bom ver que de alguma forma o livro ajudou as pessoas e a inspirarão.
Jornalismo na Alma-Em que personagem literário daria uma bronca? Por quê?
Joice Lourenço-Rico de "A bandeja - Qual pecado te seduz?".
Fala sério, foi um sem noção com a Angelina. Tudo bem que depois ele se arrependeu e tal. Mas antes disso dá vontade de dar na cara dele por engana-la estando com uma mulher e ainda apenas por interesse financeiro.
Jornalismo na Alma-Qual livro daria para um amigo? Por quê?
Joice Lourenço-A Cabana. É um livro tocante, inspirando e que nos faz refletir e conhecer como Deus é maravilhoso, surpreendente e alegre.
Jornalismo na Alma-Qual seu gênero literário favorito? Por quê?
Joice Lourenço- Amo fantasia, mas romance é algo forte dentro de mim. Acho que por que sou uma pessoa sensível e que ama ver a felicidade dos outros. Não sei explicar, mas faz parte do meu jeito de ser e isso acaba refletindo no que escrevo e leio.
Jornalismo na Alma-Diga um autor preferido no Brasil? Por quê?
Joice Lourenço-Lycia Barros, gosto muito da sua forma de narração, além das histórias que super se encaixam e também amo o gênero literário que ela escreve.
Jornalismo na Alma-Diga um autor estrangeiro preferido? Por quê?
Joice Lourenço-Robin Jones Gunn. Conheci seus livros na adolescência e desde então me apaixonei pelas suas histórias, pelos personagens e a forma tão profunda que escreve, foi uma das minhas principais inspirações para escrever.

Jornalismo na Alma-Qual a dica que você daria para futuros escritores?
Joice Lourenço-Não desista no primeiro não ou na primeira crítica.Leia, escreva, mesmo que não tenha vontade. Procure se aperfeiçoar na sua narrativa. Lembre-se, sempre temos o que aprender, então seja humilde, sempre. Isso faz a diferença! E se você acredita no seu sonho, vá em frente. Não deixe que as pessoas te desanimem. Vá em frente!
Jornalismo na Alma-Para encerrar gostaria de fazer um bate e volta com você.
Joice Lourenço-Uma pessoa: Meu marido Um desejo: Que todos tenham Deus em seu coração Um livro: A Cabana Uma música: You are for me (Kare Jobe) e todas delas. Perfeitas! Uma comida: Pizza e batata refogada com cebola Uma bebida: Vitamina de coco Uma frase: "Nós fazemos os nossos planos, mas é Deus o Senhor quem dá a última palavra" Provérbio 16.01 Animal de estimação: Cachorro Filhos: Sonho Dinheiro: Necessário Felicidade: Amar... Deus! Fama: Passageiro Religião: Jesus! Blogueiros: Maravilhosos! Falsidade: Horrível.
Sobre a autora
Joice Andressa Tiegs Lourenço é casada desde 2008, trabalha na área de alimentos e nas suas horas de folga também é escritora e blogueira literária. Além de escrever seus romances se dedica em organizar antologias e ao projeto "Uma história em quatro mãos", ajudando a expandir a literatura nacional, além de também ter uma participação na coletânea "Um pouco de nós". Simplesmente Ame é sua estreia literária como livro solo. Além dele tem outros livros guardados esperando a hora de serem lançados. Fonte: Autora.

Contato

È autor ou tem um blog e quer ser entrevistado pelo Jornalismo na Alma? Basta enviar um mensagem pela página Contato através do formulário. 

15 comentários:

  1. Oi Paloma!
    Eu ainda não conhecia essa autora e nem o livro dela. Curti muito as respostas dela na entrevista e adorei a sinopse do livro, parece bem legal!

    Beijos.
    http://viciosemtres.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. putz com certeza achar uma editora e fazer seu livro ser conhecido é mega dificil, mas todo mundo fica na luta né :)
    gostei da entrevista
    Seguindo o Coelho Branco

    ResponderExcluir
  3. Gostei da Joice, me pareceu centrada e dedicada, além de gostar de verdade de escrever. Desejo sucesso a ela. O Brasil precisa de muitos escritores novos, com novas ideias e vontade de fazer melhor!

    bjos

    ResponderExcluir
  4. muito legal essa entrevista! uma fofa!
    beijos!

    ResponderExcluir
  5. Não conhecia ela, amei a entrevista, super simpática.

    www.iasmincruz.com

    ResponderExcluir
  6. Que ótima essa entrevista. O maior problema é encontrar uma editora boa que saiba valorizar o seu trabalho como escritor, e quem não conhece o mercado bate muito a cabeça
    Big beijos

    ResponderExcluir
  7. Autora bastante inteligente,Loma. Parabéns pela entrevista.

    ResponderExcluir
  8. Que linda a capa do livro dela, amei e vou ver quanto que tá para comprar.
    beijocas.

    ResponderExcluir
  9. Que fofa. Parabéns cumadre pelo seu trabalho e o da Joice também.
    Beijos e queijos.

    ResponderExcluir
  10. Muito simpática, gostei da entrevista! *-* não a conhecia.. beijos

    ResponderExcluir
  11. Estou alegre por encontrar blogs como o seu, ao ler algumas coisas,
    reparei que tem aqui um bom blog, feito com carinho,
    Posso dizer que gostei do que li e desde já quero dar-lhe os parabéns,
    decerto que virei aqui mais vezes.
    Sou António Batalha.
    Que lhe deseja muitas felicidade e saúde em toda a sua casa.
    PS.Se desejar visite O Peregrino E Servo, e se o desejar
    siga, mas só se gostar, eu vou retribuir seguindo também o seu.

    ResponderExcluir
  12. Adorei a entrevista. A Joice é uma pessoa admirável, maravilhosa e muito talentosa!!!
    Eu AMO DEMAIS essa garota!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  13. Paloma!
    As entrevistas são ótimas porque podemos conhecer um pouco mais sobre o entrevistado e sua obra, sem contar que as perguntas oram maravilhosas.

    Obrigada pela visita feita ao blog, é sempre uma grande alegria receber seu carinho e atenção. Obrigada!
    Desejo que seu final de semana seja carregadinho de sucesso e muitas realizações!
    cheirinhos
    Rudy
    Blog Alegria de Viver e Amar o que é Bom!
    " Não viva para que a sua presença seja notada,mas para que a sua falta seja sentida..."(Bob Marley)

    ResponderExcluir
  14. Oie Paloma
    Eu já conhecia a autora, mas não li o livro dela.
    Gostei muito das respostas dela.
    Beijos

    Jéssica
    http://www.leitorasempre.com/

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.