Resenha- Todos nós adorávamos caubóis- Carol Bensimon

Olá amores! Venho trazendo para vocês resenha do Livro Todos nós adorávamos caubóis da autora Carol Bensimon. O livro foi enviado pela editora parceira Companhia das letras. Posso adiantar que é uma trama bem diferente. Espero que gostem.


FICHA TÉCNICA
Capa :Elisa von Randow
Páginas:192
Formato:14.00 x 21.00 cm
Peso:0.24700 kg
Acabamento:Brochura
Lançamento:07/10/2013
ISBN:9788535923360
Selo:Companhia das Letras
Sinopse: Aqui!
Book Trailer: Aqui!

NOTAS
Capa: 8,0
Conteúdo: 9,5
Diagramação: 9,0
Nota geral: 8

A viagem de Cora e Julia
Por Paloma Viricio
Visão Geral

Tudo o que fizemos foi tomar a BR-116, passando sob pontes com slogans de cidades que não tínhamos a mínima intenção de visitar, ou que falavam na volta de Cristo ou na contagem para o fim do mundo. Deixamos para trás as ruas suburbanas cujo início é marcado pela rodovia, que depois vão se perder em um parque industrial e nos casebres jogados em volta de um arroio, onde os cachorros vadios se arrastam e quase nunca latem, e seguimos, seguimos até a reta virar curva”, p.07.  Foi assim que iniciou-se a viajem de Cora e Julia através das estradas do extremo sul do Brasil. Essa aventura havia sido planejada pelas duas há tempos quando ainda nem imaginavam que suas vidas seriam contornadas por uma separação sem motivo aparente, quando Julia resolve estudar em Montreal e Cora consequentemente decide cursar moda em Paris. Essa viagem pode ser a chave de muitas descobertas para as duas jovens e a certeza de que fantasmas do passado ainda rodeiam o presente.

Todos nós adorávamos caubóis é um livro no mínimo interessante, confesso que nunca tinha lido nada parecido. Ao embarcar na estória, senti-me jogada em uma espécie de grande crônica. A trama é contada através da visão de Cora que é digamos...bem rebelde! Totalmente diferente de Julia que foi criada com “rédeas curtas” pelos pais e passou grande parte do tempo em uma espécie de pensão regida por freiras. Cora não é nada simpática na maioria das vezes, fala na cara...a típica poucos amigos. A Julia é bem diferente e esbanja sorrisos por qualquer lugar que passe. Entretanto, isso não impede que as duas amigas alimentem uma fervorosa paixão e passem a se relacionar amorosamente. “Pelo amor de Deus, eu queria me apaixonar na rua e poder contar com um pingo de chance. Não ter medo de me envolver com alguém que, no dia seguinte, pudesse acordar arrependido. Mas acabei sendo o lapso de muitas pessoas. A fase superada de outras tantas. Minha atração pelo sexo feminino era uma doce aventura e, ao mesmo tempo, uma condenação ao mais claustrofóbico dos universos”,p.46.
Um livro muito bom, que deixa o leitor bastante ansioso durante toda a trama para descobrir mais e mais sobre as duas amigas/amantes e outras personagens. A narração intercala passado e presente de forma espetacular, a autora escreve muito bem e de forma única, aconchegante. O único ponto negativo é que não faz muito sentido o título do livro. Se você espera uma estória sobre caubóis e afins não irá encontrar porque na verdade não tem nada que ver. O título é uma espécie de metáfora e é explicada por apenas uma frase durante toda a leitura...a Road movel poderia ter adquirido um título melhor ou que melhor representasse a trama. Fica visível que as duas jovens tem uma paixão ardente, mas é muito difícil para Julia assumir a relação e isso deixa Cora P%$@ da vida. Não era para menos, né? Bem legal...nunca tinha lido uma estória de romance entre bissexuais ou pessoas do mesmo sexo e achei interessante poder adquirir essa experiência, no final romance dá a mesma dor de cabeça não importa a escolha sexual, viu? A obra também presenteia o leitor com traços culturais do povo do sul, muito bom!“Eu ia me apaixonar por pessoas que mudavam de ideia rápido demais. Dos acertos faziam parte os erros, e eu não me importava de chorar pelas coisas que eu havia escolhido, porque, por mais dura que fosse a queda, sobrava a sensação de que até elas tinham lá sua beleza”, p.99.

Design e diagramação
As páginas são em material pólen, com espaçamento confortável, mas poderiam ter colocado a letra um pouco maior. Os capítulos são separados de forma simples e a capa é bem simples também.

Sobre a autora
Nasceu em Porto Alegre, em 1982. Publicou contos no jornal Zero Hora e em revistas como Ficções e Bravo!. Estreou com as narrativas de Pó de parede (2008). Sinuca embaixo d’água, romance publicado pela Companhia das Letras, ganhou a Bolsa Funarte de Estímulo à Criação Literária. Defendeu mestrado em Teoria da Literatura e fez doutorado na Sorbonne Nouvelle em Paris. É uma das integrantes da edição Os melhores jovens escritores brasileiros, da revista inglesa Granta. Fonte: Editora Companhia das Letras.

Licença Creative Commons

O trabalho A viagem de Cora e Julia de Paloma Viricio foi licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-SemDerivados 3.0 Não Adaptada.
Obs.: Todos os textos produzidos neste blog são da minha autoria e estão registrados. Se utilizá-los, por favor lembre-se dos créditos.  


24 comentários:

  1. Preciso me atualizar com as leituras.
    Tem bolo hoje no blog!
    Big Beijos
    Lulu
    http://luluonthesky.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Oi Paloma, achei bem interessante a tua resenha e confesso que me despertou uma certa curiosidade em relação ao livro. No momento tenho muitos livros ainda para ler mas assim que a minha lista for se "desafogando" com certeza irei ler.

    Beijos
    www.booksandmovies.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Gosto quando os autores escrevem tão bem que não dá vontade de parar de ler! Achei interessante a história em si...
    :D

    ResponderExcluir
  4. Eu acho interessante e completamente válido os autores começarem a adentrar mais no mundo homossexual nas leituras :3 Achei bacana a história!

    Beijo ♥ http://sugar-dance.org/blog

    ResponderExcluir
  5. Já ouvido falar do livro, mais é a primeira resenha que eu leio eu acho e sim darei um chance ao livro.
    Uma pergunta: Se mudou o nome do blog?
    Beijokas, Brubs
    Livros de Cabeceira
    @IWannaRuffles

    ResponderExcluir
  6. Ah, não conhecia esse livro, mas é bem interessante, adorei sua resenha.

    http://destinoincertoo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Parece mesmo ser um livro diferente, nunca tinha ouvido falar. Ótima resenha ><

    Beijos
    http://mon-autre.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  8. Adorei saber mais sobre a Carol, deve ser muito legal escrever contos pra um jornal :} Gostei bastante do novo nome do blog, acho que combinou muito mais.


    Beijos
    Brilho de Aluguel

    ResponderExcluir
  9. Nossa eu levei até um susto, achei que estava no blog errado. Ainda bem que depois vi ali suas explicações. Ainda não conhecia o livro. Pelo titulo achei que era um romance com algum caubói hehehhehe. Achei interessante, vou anotar na minha lista.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
  10. Não conhecia esse livro, parece sr uma ótima trama.
    beijos

    ResponderExcluir
  11. Com certeza é um tema mais raro de se encontrar em livros no geral, parece ser uma história interessante apesar de tudo.

    Thoughts-little-princess.blogspot.com

    ResponderExcluir
  12. Não tem muito a ver com o meu estilo literário favorito, mas eu gostei!
    Beijo,
    http://likegabs.blogspot.com.br/ ♥

    ResponderExcluir
  13. Oi Paloma!

    Obrigada pela dica... Pelo jeito, uma leitura diferente... Me senti em casa com este pessoal do sul... Hehehe

    Abraços, Iris

    ResponderExcluir
  14. Gostei bastante dessa dica como você disse parece ser bem diferente. A capa foi o que mais me chamou atenção, será que tem partes quentes no livro? Curiosa.
    beijos.

    ResponderExcluir
  15. Que livro diferente. Gostei muito, mas confesso que será uma das leituras bem futuras porque estou cheia de livros na frente xará.
    Bjokas

    ResponderExcluir
  16. Esseé um livro que não me interessava muito porém sua resenha me fez mudar de ideia, viu?
    Beijos e queijos.

    ResponderExcluir
  17. Olá minha lindinha, tudo bem? Esse livro não me interessa mas você como sempre escreve muito bem.
    Xoxo

    ResponderExcluir
  18. Loma,loma cada dia escrevendo melhor, hein?

    ResponderExcluir
  19. Oi Paloma

    Primeiro quero dizer que amei a nova cara do blog e o novo nome realmente foi uma mudança em todos os sentidos e desejo muito sucesso com essa mudança !

    Amei essa resenha e fiquei muito curiosa para ler esse livro, pena que o nome não tenha muito haver com o que a história conta de fato .

    Beijos

    www.livrosechocolatequente.com.br

    ResponderExcluir
  20. Oi, Paloma!
    Não conhecia esse livro. Gostei muito da sua resenha. Vou adiciona-lo a minha lista de leitura, gosta desse estilo de livro.

    Beijoss
    Meu Livro, Meu Mundo

    ResponderExcluir
  21. A pergunta é: tem narrativas de cenas picantes? Se tiver eu fico na duvida, não estou em clima para sensualidades... mas se não tiver é genial! Goste da proposta e do titulo também, nem sempre um titulo obvio é uma boa escolha, as vezes é bom despertar curiosidade, sem contar que eu gosto de caubois kkk Enfim, adorei a pedida Palloma, estou precisando de umas leituras de verdade e esse livro casa bem com o momento.

    Pandora.

    ResponderExcluir
  22. Oi, Paloma!
    Ainda bem que explicou que o título nada tem a ver com a trama em si. De cara ele não me atraiu, talvez por isso, mas depois da resenha fiquei com vontade de conhecer Cora e Julia! :D

    Beijos, Entre Aspas

    ResponderExcluir
  23. Livro perfeito. Capa linda e quero muito.
    Beijos

    ResponderExcluir
  24. Nunca tinha ouvido falar, gostei da resenha.. a capa esta linda *-* s2

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.