Resenha- O inferno de Gabriel- Sylvain Reynard

REYNARD,Sylvain. Inferno de Gabriel, O. São Paulo: Arqueiro, 2013.
A salvação de um homem. O despertar da sexualidade de uma mulher. 
Enigmático e sedutor, Gabriel Emerson é um renomado especialista em Dante. Durante o dia assume a fachada de um rigoroso professor universitário, mas à noite se entrega a uma desinibida vida de prazeres sem limites. O que ninguém sabe é que tanto sua máscara de frieza quanto sua extrema sensualidade na verdade escondem uma alma atormentada pelas feridas do passado. Gabriel se tortura pelos erros que cometeu e acredita que para ele não há mais nenhuma esperança ou chance de se redimir dos pecados. 
Julia Mitchell é uma jovem doce e inocente que luta para superar os traumas de uma infância difícil, marcada pela negligência dos pais. Quando vai fazer mestrado na Universidade de Toronto, ela sabe que reencontrará alguém importante – um homem que viu apenas uma vez, mas que nunca conseguiu esquecer. Sinopse completa aqui. *Cortesia: Editora Arqueiro.
Ficha Técnica
Título Original:Gabriel's Inferno
Tradução:Fabiano Morais
Páginas:512
Formato:16 x 23 cm
Peso:640 g
Acabamento:brochura
Lançamento:14/02/2013
ISBN:9788580411263
EAN:9788580411263
Preço:R$ 39,90
Preço:E-Book R$ 24,99
Compra:AQUI.

Notas 
Capa: 10/10
Conteúdo:03/10
Diagramação:05/10
Conceito Geral:40/100

O inferno dos amantes
Por Paloma Viricio 1

Visão Geral
Estava envergonhada por ter sido tão burra, tola e ingênua a ponto de achar que Gabriel se lembraria dela depois de uma noite de bebedeira e que as coisas voltariam a ser (apesar de nunca terem sido de fato) como naquela noite no pomar. Julia sabia que havia se deixado levar pela fantasia romântica de um conto de fadas, sem pensar nem por um instante em como era o mundo real, o Gabriel real”,p.187. Foi um tremendo susto pra Julia Mitchell o Gabriel Emerson que ela encontrou, totalmente mudado, egocêntrico, diferente daquele que conhecera anos atrás. O inferno não era somente dele, mas sim dos dois, já que o relacionamento entre eles iniciou-se bastante conturbado quando passaram a conviver novamente. O mais estranho era que Gabriel não lembrava-se de nada do que havia ocorrido entre eles, nutria alguns flash que no final serviam apenas para embaralhar suas recordações. Já Julia guardava viva na mente as lembranças de outrora e não conseguia entender como o Gabriel dela poderia ter se esquecido de tudo. 

Emerson é professor, tem especialidade em Dante e passa á orientar Julia que está começando o mestrado. Na Universidade de Toronto ela também conhece um rapaz bastante especial, Paul, que se apaixona por ela, mas a recíproca acaba não sendo a mesma. Ela não consegue para de admirar os olhos misteriosos e azuis de Gabriel, pois é por ele que a moça nutri algo muito especial e os dois estão juntos em um grande segredo. “Mãos  preguiçosas, porém cheias de curiosidade, acariciaram a pele nua, explorando-a de forma gentil porém ávida. Suspiros se misturaram na escuridão enquanto duas almas respiravam em sincronia. Dois corações  bateram compassados, se reconhecendo. E duas mentes angustiadas e confusas finalmente encontraram alívio”,p.228.

O Inferno de Gabriel é um livro bastante confuso em diversas partes e pode tornar-se massacrante para alguns leitores. Composto por 512 páginas, primeiro de uma trilogia, é repleto de segredos e enigmas onde o receptor vai descobrindo quem é quem junto com os próprios personagens, pois nada ou ninguém é realmente o que parece ser. “Mais do que dos analgésicos, da luz ou do ar, Julia precisava de Gabriel, precisava sentir o corpo dele em volta do seu, ouvir a voz dele sussurrar palavras de consolo. Ele era a única pessoa que poderia fazê-la se esquecer do que tinha acontecido. Julia precisava tocá-lo. Precisava beijá-lo para apagar seu pesadelo,”p.414. Sinceramente a estória é bem clichê e fraca. A escrita do autor é rica em detalhes, descrições e citações culturais, mas o enredo e até mesmo os personagens chegam a irritar. Gabriel é aquele homem poderoso, rico e deveras soberbo ele é muito metido e nariz em pé. Por essas e outras que o leitor pode desejar dar um soco nas fusas dele. Ele é muitoo antipático. O mesmo acontece com Julia só que em outras vertentes porque ela é a típica mulher indefesa, frágil e indecisa sobre quase todas as atitudes que toma. Ela é daquelas que abaixa a cabeça e aceita o que quiserem falar ou fazer com ela. A trama é bem enrolada e se o leitor não prestar bastante atenção nas pontas soltas poderá se perder. O livro tem bastante páginas, em muitos momentos os acontecimentos e ações são desnecessário, os cenários repetem-se com frequência e a sensação de estar voltando na mesma ladainha é grande.

Entretanto todas as pontas “enigmáticas” que o autor solta no livro são fechadas, disso o receptor não tem do que reclamar. Outro ponto que desagrada bastante é a mudança repentina das atitudes e modo dos personagens. Emerson é arrogante e depois torna-se uma espécie de príncipe imaculado. E Julia, a lesada, torna-se a tigresa sedutora...ficou estranho. O Inferno de Gabriel não é um livro erótico, mas um romance sensual. Muitas críticas na blogosfera chegam a fazer comparações a respeito dessa trama e cinquenta tons de cinza, mas como essa pessoa que resenha ainda não conheceu essa estória (e nem tem vontade), não pode chegar á afirmar o mesmo.

Baseando-se em comparações pode-se dizer que o enredo ficou deveras parecido com o da série Tudo que você quiser. Nela também encontramos uma mocinha tímida que se apaixona por um cara endinheirado e soberbo que vai transformando-se em um Deus Grego com o passar as páginas e o repentino amor que começa a sentir pela dita cuja. O livro de Reynard tem suas originalidades, mas ao mesmo tempo é tão clichê e costurando em um enredo que leitores já estão carecas de ver (ler) por ai. Sinceramente, quem lê a sinopse pode esperar muito, porém é decepcionante. Quem sabe o enredo melhore nos próximos livros...“Admito que meus defeitos são muito graves, mas quero conhecer você. Saber como você é de verdade(...) sei que você é mais do que apenas um sonho. A sua realidade é muito mais bela e fascinante do que qualquer fantasia. Entre você e o sonho, eu nunca escolheria o sonho”,p.244.

Design e Diagramação
A capa é muito bonita e remete exatamente a linha sensual que o livro segue. As folhas são em material pólen agradáveis á visão. As letras são bem minúsculas e os capítulos não começam em outra página e desagrada bastante porque cansa o leitor e parece que os pedaços da estória estão todos colados. Outra irritação é que os capítulos são muito extensos. Tem capítulo com mais de 10 páginas e como é um livro composto por muitas folhas, isso pode acabar sufocando o leitor... desnecessário.

Sobre o autor
Quase nada foi divulgado sobre a verdadeira identidade do autor por trás do pseudônimo Sylvain Reynard. Sabemos que ele é canadense, já escreveu vários livros de não ficção e tem um profundo interesse pela arte e pela cultura renascentistas. Mas, embora declare ser do gênero masculino, seus fãs têm uma forte suspeita de que na verdade S.R. seja uma mulher. Semifinalista ao prêmio de Melhor Autor e Melhor Livro no Goodreads Choice Awards de 2011, Reynard apoia diversas instituições de caridade e acredita que a literatura ajuda a explorar os diversos aspectos da condição humana, como o sofrimento, o amor e a redenção.Fonte: Editora Arqueiro.

Resenhas de livros sucessores

Licença Creative Commons
O trabalho O inferno dos amantes de Paloma Viricio foi licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição - NãoComercial - SemDerivados 3.0 Brasil.

Obs.: Todos os textos produzidos neste blog são da minha autoria e estão registrados. Se utilizá-los, por favor lembre-se dos créditos.  

18 comentários:

  1. Acho que o livro não faz muito meu estilo, mas quem sabe né?
    http://ancorandoomundo.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Paloma consegui gravar meu primeiro vídeo *o*
    E foi uma Tag literária. Te marquei inclusive <3
    http://www.valeuapenaesperar.com/2014/01/video-tag-hamburguer-literario.html

    ResponderExcluir
  3. eu já quis ler mt os livros dessa serie, hj em dia passou a vontade
    Seguindo o Coelho Branco

    ResponderExcluir
  4. Boa noite Paloma que rima como aroma.. como estas poetisa.. fico muito feliz com tua visita.... como é bom ter poetas sempre por perto.. e como pude ler.. gostas de rock n roll ainda por cima.. somos dois rss a música embora eu não saiba tocar nada.. é o alimento dos meus versos.. sempre componho ouvindo van halen.. acdc entre outras pérolas.. assim como as clássicas.. sobre tua postagem..
    essas trilogias mexem muito com a gente.. eu ainda devo muito nesta parte de romances.. ainda quero fazer um se for possível.. pelo menos uma amiga esta me cutucando a respeito.. quem sabe com o tempo..
    tudo que envolve erotismo é muito bem aceito.. mas não pode se alongar demais.. dai se torna cansativo.. no mais deixo uma linda noite a vc sigo teu blo tb poetisa bjs e até sempre

    ResponderExcluir
  5. Fiquei curiosa, e ja quero ler, onde posso encontrar me envia se puder la no meu blog, ok?

    http://www.jeitosimplesdeser.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Olá Paloma,

    Feliz por vê-la de volta. Senti sua falta por lá.
    A sinopse é mesmo atraente. Em contrapartida, sua ótima resenha é um balde de água fria-rsrs. Aliás, excelente! Não gosto de livros de muitas páginas e ainda por cima confusos, exigindo muito do leitor. Acabo pulando folhas, o que não é interessante. Este, com certeza, eu não vou incluir em minha lista de leitura.

    Beijo.

    ResponderExcluir
  7. Oi Paloma, sinceramente, parece atualmente que todos os romances se parecem, né mesmo? É meio estranho pq você termina comparando sem nem querer. Eu tentei ler esse livro, enquanto ele ainda era fanfic, mas achei a estória muuuuuito paradona e desisti. Não sei se irei ler os livros algum dia... quem sabe.

    Beijos, http://porredelivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Já tinha ouvido falar bastante desse livro, porém nunca tive vontade de ler, depois de você falar que é meio clichê, acho que não vou apostar nessa leitura não.

    Thoughts-little-princess.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. Logo que comecei a ler a sinopse lembre de 50 tons de cinza,mas com a resenha vi que não tinha nada a ver.

    ResponderExcluir
  10. Paloma!
    Nossa! Tem um tempo que desejo ler esse livro e a cada nova resenha que leio, como essa sua que está muito boa, fico ainda mais curiosa.

    Obrigada por visitar e blog e deixar seu recadinho por lá. Retribuo o carinho e desejo um ótimo final de semana!
    Luz e paz!
    cheirinhos
    Rudy
    Blog Alegria de Viver e Amar o que é Bom!
    “O correr da vida embrulha tudo. A vida é assim: esquenta e esfria, aperta e daí afrouxa, sossega e depois desinquieta. O que ela quer da gente é coragem.” (Guimarães Rosa)

    ResponderExcluir
  11. Acho livros assim meio loucos e não tenho muita vontade de ler depois da sua resenha Loma.

    ResponderExcluir
  12. Apesar da sua resenha não falar tão bem é um livro que me interessa porque adoro eroticos. haushausau
    Beijos.

    ResponderExcluir
  13. Gosto muito de livros quentes como você disse, sua resenha não teve um ponto tao positivo sobre o livro mas acho que vou ler.
    xoxo

    ResponderExcluir
  14. Já li esse livro e realmente não gostei, nao pretendo ler os outros.
    Bjks

    ResponderExcluir
  15. Gosto de livros mais quentes, mas esse nunca tive realmente vontade de ler.
    Beijos equeijos

    ResponderExcluir
  16. Capa muito bonita, mas pela sua resenha sei que não vou gostar do livro. Estou correndo do mais do mesmo.
    Bjs

    ResponderExcluir
  17. Paloma, li sua resenha com bastante atenção. Muito boa, diga-se de passagem. Eu caí do cavalo ao ler, porque nunca tinha imaginado o conteúdo desse livro. Pensei que fosse algo sobrenatural. Nunca tinha parado para realmente saber do que se tratava o livro. Bom, eu não tinha interesse em lê-lo mesmo assim. Após a sua resenha, tenho menos vontade ainda. O enredo não me prendeu. Além disso eu não gosto de capítulos extensos. Beijos!

    http://ymaia.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Há muito tempo quero ler esse livro e suas continuações, necessito deles *-*
    A resenha é muito boa, deixa maior ainda a vontade de comprá-lo!
    E tem essa capa é incrível também!

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.