Waterstones vaza roteiro original de As Crônicas de Gelo e Fogo


Enfim, foi confirmada a veracidade das cartas vazadas pela livraria inglesa Waterstones em seu twitter, no dia 4 de fevereiro. As cartas foram escritas pelo George R. R. Martin e enviadas ao seu colega editor, Ralph Vicinanza, em outubro de 1993. Nelas, Martin revela os seus planos iniciais sobre o que se tornaria, três anos depois, As Crônicas de Gelo e Fogo. Entre muitas surpresas bombásticas, ele planejava escrever uma trilogia, em que, no final, somente quatro personagens (entre os mais importantes) sobreviveriam. Além disso, ele também planejava estender o incesto para a família dos Stark.

Se você ficou curioso, pode ler as cartas em inglês aqui (link), ou a  tradução feita pelo pessoal do gameofthronesbr (link) abaixo:

Querido Ralph,

Aqui estão os primeiros treze capítulos (170 páginas) do romance da alta fantasia que eu havia lhe prometido, e que chamarei de A Game of Thrones. Quando estiver completo, esse será o primeiro volume do que eu vejo como uma épica trilogia que levará o nome de A Song of Ice and Fire.

Como você sabe, eu não faço esboço de meus romances. Acho que se eu souber exatamente para onde um livro está indo, perco todo interesse nele. No entanto, tenho uma boa noção da estrutura geral da história que estou contando, e o destino de muitos dos personagens. Grosseiramente falando, são três grandes conflitos acontecendo simultaneamente com os personagens. Eles formarão os principais eventos da trilogia, sobrepondo-se uns com as outros no que deverá ser um complexo e excitante (eu espero) enredo. Cada uma das histórias apresentará uma grande ameaça dentro do meu universo imaginário, os Sete Reinos, e para as vidas de meus personagens principais.

A primeira ameaça a crescer será a inimizade entre as grandes casas Lannister e Stark, que se dará em um ciclo de conspiração, contra-conspiração, ambição, assassinato e vingança, com o trono de ferro dos Sete Reinos como o prêmio derradeiro. Essa será a espinha dorsal de A Game of Thrones, primeiro título da trilogia.

Enquanto o leão dos Lannister e o lobo gigante dos Stark rosnam e brigam, uma ameaça maior toma forma além do Mar Estreito, onde os senhores de cavalos Dothraki preparam sua manada para invadir os Sete Reinos, liderados pela bela e feroz Daenerys Nascida na Tormenta, a última dos Senhores de Dragões Targaryen. A invasão dothraki será o centro do meu segundo volume, A Dance with Dragons.

O maior perigo de todos, no entanto, vem do norte, das planícies geladas além da Muralha, onde muitos demônios esquecidos nas lendas, os outros inumanos, levantaram uma horda de mortos-vivos e não nascidos gelados e se preparam para cavalgar durante os ventos de inverno para extinguir tudo o que conhecemos como “vida”. A única coisa que fica entre os Sete Reinos e a noite eterna é a Muralha e um punhado de homens de negro chamados Patrulha da Noite. 

A história deles será o coração do meu terceiro volume, Os Ventos de Inverno. A batalha final reunirá personagens e enredos deixados de lado nos dois primeiros livros, e se resolverá em um gigantesco clímax. Os treze capítulos adiantados te darão uma noção da minha estratégia de narrativa. Os três livros terão um complexo mosaico de pontos de vista intercalados, entre meu vasto e diverso elenco de personagens. O elenco não será sempre o mesmo. Personagens antigos morrerão, e novos serão introduzidos. Algumas fatalidades serão cometidas a personagens queridos com pontos de vista. Quero que o leitor sinta que ninguém está a salvo, nem mesmo os personagens que parecem ser heróis. O suspense sempre será crescente enquanto você souber que qualquer personagem poderá morrer a qualquer momento.

Cinco personagens centrais passarão pelos três livros, no entanto, passando de crianças para adultos, e mudando o mundo e eles mesmos no processo. De certa maneira, minha trilogia é quase uma saga sobre gerações, falando sobre a vida desses cinco personagens, três homens e duas mulheres. Os cinco jogadores principais são Tyrion Lannister, Daenerys Targaryen e três das crianças de Winterfell, Arya, Bran e o bastardo Jon Snow. Todos eles serão introduzidos em algum momento nesses capítulos que você está prestes a ler.

Este será (eu espero) um épico e tanto. Épico pela sua escala, pela sua ação, e épico pelo seu tamanho. Vejo os três volumes como livros grossos, com 700 ou 800 páginas de manuscrito, então as coisas estão sendo encaminhadas ainda nesses capítulos que te mandei. Tenho uma noção clara de como o enredo irá se desdobrar no primeiro volume, A Game of  Thrones. Temo que as coisas ficarão muito ruins para os pobres Stark antes de melhorarem. 

Lorde Eddard Stark e sua esposa Catelyn Tully estão os dois condenados, e perecerão nas mãos de seus inimigos. Ned descobrirá o que aconteceu com seu amigo Jon Arryn e, antes de poder agir, rei Robert sofrerá um acidente e o trono passará para seu bruto herdeiro Joffrey, ainda menor de idade. Joffrey não será compreensivo e Ned será acusado de traição, mas antes de ser pego ele irá ajudar sua esposa e sua filha Arya em uma fuga para Winterfell. Cada uma das família rivais terá entre elas um membro de lealdade incerta. Sansa Stark, casada com Joffrey Baratheon, lhe dará um filho, herdeiro do trono, e quando o conflito começar ela escolherá o marido e filho ao invés dos pais e família, escolha essa que irá se arrepender mais tarde. Tyrion Lannister, enquanto isso, fará amizade com Sansa e Arya, enquanto ficará cada vez mais desapontado com a família.

O pequeno Bran sairá de seu coma, depois de um estranho e profético sonho, para descobrir que jamais voltará a andar. Ele se voltará para a magia, primeiro com a esperança de curar suas pernas, mas depois para uma causa maior. Quando seu pai Eddard Stark é executado, Bran verá a sombra da destruição projetar-se sobre todos eles, mas nada do que ele disser fará com que seu irmão Robb deixe de convocar suas bandeiras em rebelião. O norte será inflamado pela guerra. Robb terá esplêndidas vitórias, e irá mutilar Joffrey Baratheon no campo de batalha, mas no final não conseguirá enfrentar Jaime e Tyrion Lannister e seus aliados. Robb morrerá em batalha e Tyrion irá sitiar e queimar Winterfell.

Jon Snow, o bastardo, permanecerá no extremo norte. Ele crescerá e se tornará um patrulheiro de grande estima e chegará a substituir seu tio como Senhor Comandante da Patrulha. Quando Winterfell queimar, Catelyn se verá obrigada a fugir para o norte com Bran e Arya. Seguidos por homens Lannister, eles procurarão refúgio na Muralha, mas os homens da Patrulha renunciam de suas famílias quando vestem o negro, e Jon e Benjen não poderão ajudar, para angústia de Jon. Isso levará a um estranhamento entre Jon e Bran. Arya será mais tolerante… até ela perceber, com terror, que se apaixonou por Jon, que não só é seu meio-irmão como também um homem da Patrulha que jurou celibato. A paixão  atormentará Jon e Arya durante todos os livros, até a verdade sobre a paternidade de Jon ser revelada no último livro.

Abandonada pela Patrulha, Catelyn e seus filhos encontrarão proteção e esperança apenas no mais extremo norte, além da Muralha, onde eles caem nas mãos de Mance Rayder, Rei Além da Muralha, e têm um vislumbre dos outros inumanos quando são atacados no acampamento selvagem. A magia de Bran, a espada Agulha de Arya e a selvageria dos lobos gigantes os ajudarão a sobreviver, mas Catelyn morrerá nas mãos dos Outros.

Ao longo e além do Mar Estreito, Daenerys descobrirá que seu marido, o dothraki Khal Drogo, tem pouco interesse em invadir os Sete Reinos, para frustração de seu irmão. Quando a reivindicação de Viserys passa do ponto tático e sábio, Khal Drogo se irritará e o matará finalmente, eliminando o último pretendente Targaryen e deixando Daenerys como a última de sua família. Daenerys esperará seu tempo, mas não esquecerá. Quando o momento for certo, ela matará o marido para vingar o irmão e fugirá com um amigo de confiança para o deserto além de Vaes Dothrak. Lá, perseguida pelos dotrhaki, ela (?) ovos (?) um jovem dragão dará a Daenerys o poder de fazer os dothrakis se ajoelharem. Então ela começa a planejar sua invasão aos Sete Reinos.

Tyrion Lannister continuará a viajar, tramar, e jogar o jogo dos tronos, tirando finalmente o brutal rei menino Joffrey seu caminho. Jaime Lannsiter substituirá Joffrey no trono de ferro, simplesmente matando todos os que estão na linha de sucessão e culpando o irmão Tyrion pelos assassinatos. Exilado, Tyrion mudará de lado, se aliando aos Stark para derrubar seu irmão e se apaixonando perdidamente por Arya no meio do caminho. Sua paixão não é recíproca, mas não menos intensa por isso, o que levará a uma rivalidade mortal entre Tyrion e Jon Snow.

(Conteúdo censurado)

Mas isso é o segundo livro…

Espero que você encontre editores tão interessados nisso tudo como eu estou. Sinta-se a vontade para compartilhar essa carta com qualquer um que queira saber pra onde essa história irá.

Meus melhores cumprimentos,

George R. R. Martin

Infelizmente, parte do conteúdo foi censurado... Gostaria muito de saber o que mais o Martin pretende fazer ao longo dessa série (e se ele pretende, de verdade, criar um oitavo livro e torturar os fãs por mais anos).

O que acharam sobre as mudanças ocorridas entre o roteiro original e a série? E sobre as mudanças nos destinos dos personagens? Eu, pessoalmente, fico feliz pelo Martin ter escolhido um caminho mais cruel e ousado para a Arya.

Postagem feita por:

Isabelle, pseudo-escritora, sonhadora, tento fazer poesia, mas acabo aglutinando demais minhas palavras e tudo vira prosa com toque de melancolia. Deixe-me, que ainda estou aprendendo o ofício. Tenho 18 anos vividos como um sopro e aquela sensação ruim de que tudo está acontecendo rápido demais. Fora isso, gosto de música, de livros, de filmes e de todos os clichês de sempre.


Facebook PessoalSkoob - TwitterGoogle +-Tumblr


Encontre  Monólogo de Julieta  também no:

2 comentários:

  1. Olá,

    Não acompanho a série ainda então não tenho muito o que falar sobre a adaptação, mas fiquei bem chateada com esses trechos censurados :( hahahaa

    Acho que os fãs irão curtir :)


    Beijinhos,
    www.entrechocolatesemusicas.com

    ResponderExcluir
  2. Adorei ler a carta hehe. Eu teria gostado da forma original, mas gostei mais do rumo que tomou depois. Principalmente em relação ao Jaime. O ruim é que não aguento mais esperar o próximo livro hehe.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.