Resenha- A mais pura verdade- Dan Gemeinhart

Gemeinhart, Dan. A mais pura verdade/ Dan Gemeinhart; tradutor Leonardo Gomes Castihone. – Ribeirão Preto, SP: Novo Conceito Editora,2015.
NUNCA É TARDE DEMAIS PARA VIVER A MAIOR AVENTURA DA NOSSA VIDA. Em todos os sentidos que interessam, Mark é uma criança normal. Ele tem um cachorro chamado Beau e uma grande amiga, Jessie. Ele gosta de fotografar e de escrever haicais em seu caderno. Seu sonho é um dia escalar uma montanha. Mas, em certo sentido um sentido muito importante , Mark não tem nada a ver com as outras crianças.Mark está doente. O tipo de doença que tem a ver com hospital. Tratamento. O tipo de doença da qual algumas pessoas nunca melhoram. Então, Mark foge. Ele sai de casa com sua máquina fotográfica, seu caderno, seu cachorro e um plano. Um plano para alcançar o topo do Monte Rainier.Nem que seja a última coisa que ele faça. A Mais Pura Verdade é uma história preciosa e surpreendente sobre grandes questões, pequenos momentos e uma jornada inacreditável.
Classificação:

Ficha Técnica
Autores: DAN GEMEINHART
Título: A Mais Pura Verdade
ISBN: 9788581636337
Selo: NOVO CONCEITO
Ano: 2015
Edição: 1
Número de páginas: 224
Formato/Acabamento: 16x23x1,4
Peso: 0.32 kg
Preço Sugerido: R$ 29.90
Área Principal: FICÇÃO
Assuntos: DRAMA
Comprar livro A mais pura verdade- Dan Gemeinhart


Notas
Capa: 10/10
Conteúdo: 10/10
Diagramação: 10/10
Nota geral: 100/100
Descobertas e verdades
Por Paloma Viricio
Visão Geral
Era um relógio de bolsa antigo feito de prata, com uma proteção arredondada de vidro. Um presente do meu falecido avô. Mordi o lábio, com força. Podia senti-lo tiquetaqueando na minha mão. Tique. Taque. Tique. Taque. O tempo se esgotando. Isto é uma coisa que eu não entendo: por que as pessoas gostam de levar consigo uma coisa que as faz lembrar de que suas vidas estão indo embora”, p.11. O tempo era um inimigo incontrolável para alguém como Mark. O vai e vem embaraçoso dos ponteiros poderia esgotar suas esperanças, impedindo que  realizasse os sonhos que almejava. O jovem nunca desejou virar a ampulheta, mas no caso dele as escolhas não faziam tanta diferença se o destino fosse somente um.

Mark e Beau partem em uma jornada recheada com tripla dose de aventura.  Mark não se importou em deixar para trás casa, família... ele precisava viver. Além do inseparável cachorrinho,Beau, o menino levou algum dinheiro, máquina fotográfica, remédios, equipamento de alpinismo, caderno e caneta.  Essas seriam as salvadoras de suas necessidades básicas  por determinado período. Jessie era a única que sabia sobre o fato, mas nada poderia dizer quando a interrogassem. A amizade entre eles era forte demais e não englobava traições.  O destino seria o Monte Rainier mesmo que para isso tivesse que pagar um preço muito alto. “Segui em frente. Todos os pensamentos que tentei impedir agora estavam borbulhando dentro de mim. Rostos, vozes, lembranças. Todas as pessoas de quem eu sentiria falta. Jessie. Meu pai. Minha mãe. Outras pessoas também, mas basicamente eles.  Eram eles que sentiriam a minha falta”, p. 169.

Não tenho palavras para agradecer Dan Gemeinhart por ter criado essa trama sensacional. A mais pura verdade é um livro que conquista o leitor de modo irrevogável. Levei apenas alguns dias para concluir a leitura, mas a obra mexeu de forma tão profunda com o meu consciente que não consegui  escrever a resenha de jeito algum. Sabe quando um livro te marca de tal maneira que você não encontra palavras para dizer o quanto amou tudo aquilo? Uma simples resenha torna-se um abismo imenso… o medo de não mostrar o mesmo sentimento que o livro passou é algo que te trava. Foi assim que demorei tanto para publicar esta resenha. (Risos) “Caiu um relâmpago e, quase ao mesmo tempo, um trovão explodiu nos céus. Jessie deu um pulo e gritou. Uma brisa carregando o perfume da tempestade entrou pela janela. O cheiro de ar queimado pelo relâmpago invadiu o quarto e trouxe com ele uma lembrança”, p. 115.

O livro é prefeito. Raramente não encontro um ponto negativo (por melhor que seja a brochura) e geralmente quando isso acontece é só favoritar e ser feliz. Foi assim com A mais pura verdade. Amei de todas as formas a construção das personagens e do enredo. Não encontrei nada que me incomodasse.  A garra e coragem de Mark faz com que o leitor reflita sobre a própria vida. Existem pessoas que reclamam de tudo e mal sabem a sorte que possuem.  A trama mostra que nada é garantido, o amanhã não passa de algo abstrato, fluído. “O mundo inteiro é uma tempestade, eu acho, e todos nós nos perdemos em algum momento. Vamos atrás de montanhas no meio das nuvens  para que tudo pareça valer a pena, como se isso tivesse algum significado. E , ás vezes, nós as encontramos. E seguimos em frente”, p. 204.

A mais pura verdade é um livro sensacional feito para qualquer tipo de pessoa. A história de um menino, que mesmo com pouco tempo de vida, já teve que aprender a enfrentar muitas dificuldades. O amor incondicional entre um animal e o dono (Ai ... só de lembrar meus olhos se enchem de lágrimas. Epicamente emocionante). A preocupação e zelo da família. A honra de uma verdadeira amizade. Muito bom! Para completar gostaria de compartilhar com vocês os vídeos feitos pelo autor, Dan Gemeinhart, que mostram os lugares por onde Mark e Beau se aventuraram.  O escritor se inspirou em locais reais e originais que deram um toque especial para A mais pura verdade. Quem tiver interesse pode conferir tudo no canal da Editora Novo Conceito. (VEJA AQUI

Design e Diagramação

A capa do livro é simples, mas muito fofa. Amo capas na cor azul, são tão bonitas! Essa estampa relata um momento crucial da história e não poderia ser diferente. O miolo é impresso em papel pólen, agradável para leitura. Possui letras e espaçamentos igualmente confortáveis. Não tenho muito o que falar. O livro está perfeito... isso é A mais pura verdade!

Sobre o autor

Dan Gemeinhart vive em uma cidadezinha bem no meio do estado de Washington com a esposa e as três filhas. Ele tem a sorte de ser professor e bibliotecário em uma escola primária, onde pode falar sobre livros incríveis para crianças incríveis. Dan adora acampar, cozinhar e viajar. A mais pura verdade é seu primeiro livro. Fonte: Editora Novo Conceito. 

Licença Creative Commons
O trabalho Descobertas e verdades de Paloma Viricio foi licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição - NãoComercial - SemDerivados 3.0 Brasil.

Obs.: Todos os textos produzidos neste blog são da minha autoria e estão registrados. Se utilizá-los, por favor lembre-se dos créditos.  



Encontre  Monólogo de Julieta  também no:

13 comentários:

  1. Oi, Paloma! Tudo bem? Amei a resenha! Eu também senti tudo o que você disse que sentiu lendo A Mais Pura Verdade! Também estou com uma baita dificuldade de resenhar o livro lá no blog, não sei nem por onde começar! rsrs Mas espero conseguir e fazer uma resenha tão bacana quanto a sua! :)

    Abraço

    http://tonylucasblog.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Oi Paloma, tudo bem?
    Já li esse livro, e essa história me encantou, tão delicada e marcante.
    Teve momentos que tive vontade de arrastar Mark de volta pra casa, mas o garoto é persistente rsrs, e aquele cãozinho que coisa mais preciosa.
    Impossível não se emocionar com essa dupla.

    Beijos.
    Leituras da Paty

    ResponderExcluir
  3. Oi Paloma.
    Ai que fotinha linda essa que você escolheu pra resenha.

    Separei esse para a pilha de próximos, mas com a carga emocional fico atrasando haha
    Mas sei que vou amar esse cachorrinho ♥

    Ótima resenha :D

    bjs e tenha uma ótima quinta!
    Nana - Obsession Valley

    ResponderExcluir
  4. Estou louca com esse livro !
    A cada vez que leio uma resenha , parece que vou enlouquecer de vontade de o ler .
    Assim como você , também amo capas azul .

    http://coisasdediane.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Já vi algumas resenhas sobre A Mais Pura Verdade e toda que leio sobre o livro fico com mais vontade em ler, parece ser emocionante a história de Mark e seu cãozinho...
    Beijos!
    islary34.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Depois dessa resenha, não tem como não roer as unhas de curiosidade haha essa obra tem tudo mesmo pra ser ótima, repleta de emoção que nos embala com força

    xx Carol
    http://caverna-literaria.blogspot.com.br/2015/06/desafio-de-genero-suspense-ultima-vitima.html
    Tem resenha nova no blog de "A Última Vítima", vem conferir!

    ResponderExcluir
  7. Oi, Paloma!
    É um bom livro mesmo. Entendi bem as emoções que você sentiu porque vivi o mesmo enquanto lia. Não favoritei, mas adorei a leitura. Inclusive sei bem como não é fácil conseguir resenhar um livro que amamos muito.
    Gostei de saber sua opinião.
    Abraço!

    "Palavras ao Vento..."
    www.leandro-de-lira.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Esse livro está na minha lista de livros que preciso comprar e ler já faz um boooom tempo , mas ainda não comprei... QUERO maaais ainda depois dessa sua resenha maravilhosa! Me emocionei com alguns trechos, o que mais me chamou a atenção foi o "o mundo inteiro é uma tempestade, eu acho, e todos nós nos perdemos em algum momento". Realmente, parece um livro que te faz pensar, refletir sobre a vida, sobre tudo que reclamamos, quando na verdade, não é nada perto da realidade de algumas pessoas, e essas nem reclamam.. Ameeei a resenha, só me deixou ainda mais curiosa a respeito desse livro! Beijokas :)

    ResponderExcluir
  9. Parabéns pela resenha! Fiquei até com vontade de ler esse livro!
    SUA ESTANTE

    ResponderExcluir
  10. Oi Paloma!
    Já vi esse livro em diversas livrarias, mas nunca peguei para ler a sinopse.
    E ver que você gostou tanto, me deu uma animada.
    Vou dar uma chance ;)
    Beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Amo esse tipo de livro. o gênero drama, quando bem explorado (sem aquele mimimi infundado), rende ótimas histórias, e essa não parece ser diferente. Tinha visto esse livro pela blogosfera, mas não li nenhuma resenha até agora, e a sua me deixou curiosa ^^
    Bjss
    sete-viidas.blogspot.com

    ResponderExcluir
  12. Olá!
    Nossa, deu para perceber o quanto você amou esse livro. Já vi alguns comentários positivos sobre ele, acho que vou conferir a obra.
    http://ymaia.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Oi Paloma, amei a sua resenha! Muito bem escrita! Eu sou louca para ler esse livro, sempre escuto elogios sobre ele, e depois da sua resenha fiquei com mais vontade!
    Beijinhos ♥

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.