Resenha- O Rei Cigano- Miya Hortenciano

Glacialem. País relativamente rico, vizinho de Meridial, e última ponta do Triângulo Comercial do Oceano Gélido. Tudo ali era perfeito e, mesmo que alguns discordassem, até o clima: um inverno eterno, com neve durante o inverno e o outono, chuvas frias durante a primavera, e no verão, quando o gelo começava finalmente a derreter, o outono nevado chegava de novo. Poderia ser o lugar perfeito, porém perfeição não existe. Não para alguns. Vez ou outra, Albus, o General e irmão do Rei, caía de amores por alguma jovem camponesa. Mas seu temperamento não era do tipo compreensivo, e ele não aceitava não como resposta. Se a moça fosse submissa a suas vontades, saía com uma vida confortável e feliz. Caso contrário, saía sem a vida. Tal regra também se aplicava a qualquer um que cruzasse seu caminho. Ao menos, até ele conhecer a fúria de Eros e Sapphire. Assim, Albus descobrirá que derrubar os Reis de Glacialem não será tarefa fácil.

Classificação:


Ficha Técnica
ISBN: 8556950035
Ano: 2016
Páginas: 200
Idioma: português 
Editora: Young

O Rei Cigano
Por Carol Cadiz
Duas pessoas com problemas parecidos e toda a culpa de um único ser: Albus. Eros e Ginger se conhecem fugindo do exército comandado pelo general Albus, irmão do rei. Eros é filho bastardo do rei que trocou a vida no palácio pelo exército. Ele é um excelente soldado e esse fato o faz subir cada vez mais de posição, o general não aprecia isso por temer perder o seu lugar para o bastardo.

Já Ginger é a escolha da vez do general. Ele a desejou para ser sua submissa e ela o negou. Agora Albus colocou uma denúncia de assassinato para ter um motivo de acabar com a vida da garota que lhe negou a submissão.

Narrado em terceira pessoa temos a imparcialidade no relacionamento que está sendo criado entre Eros e Ginger. Diferente de outras fantasias em terceira pessoa, não temos a visão geral de toda a história que muda de foco de acordo com os acontecimentos.
Faz tempo que não leio uma fantasia tão leve, que embala o leitor do começo ao fim do livro. Eu li o livro inteiro em algumas horas. A autora escreve de forma fluida que nem notamos que já estamos no final da história.

A capa do livro é fantástica e remete a história. Porém, aos meus olhos, o título não convém com a história 100%. Tem as duas figuras, mas não exatamente uma figura que recebe esse título. Como deu a entender que esse é o primeiro livro de uma série, eu trocaria o título e utilizaria esse no momento que condiz com o conteúdo. Eu senti falta de uma explicação se o personagem X se torna um rei. Se autora descrevesse mais esse momento o título teria mais ligação com a história.

Os personagens são cativantes e envolventes. Depois dos primeiros capítulos já estamos torcendo loucamente pelo sucesso nas aventuras que os dois acabam se metendo.

Postagem feita por:
Carol Cadiz,19 anos, estudante de jornalismo, conselheira,amiga,ama musica, dedicada, sonhadora, determinada, leitora compulsiva... Feliz! simples assim. "Me provoque, me desafie, me tire do sério, Me tire do tédio, vire meu mundo do avesso..." - Clarice Lispector. Normalidade? já nem sei o que é.

10 comentários:

  1. Oi
    Poxa que legal!
    Brigada rsrsr eu adoro coque rsrsr
    bjs
    http://momentosdemodaebeleza.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. A capa é instigante e o enredo é muito interessante. Tá aí uma história que eu adoraria ler.
    Mil Beijos!
    http://pensamentosdeumageminiana.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oie...
    Vi esse livro faz pouco tempo em outro blog literário e desde então fiquei bem interessada em ler!
    Parece ser daqueles livros que quando você começa a ler não quer mais largar :)
    Já está nos desejados.
    Bjos

    http://coisasdediane.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oi, Carol!
    Adoro a capa deste livro, mas tenho vontade de lê-lo. Infelizmente, a premissa dele não me atraiu. A história realmente aparenta ser leve e rápida, e isso pode ser um facilitador em alguns momentos, mas não acho que a história funcionaria comigo.
    Fico feliz que tenha gostado, de modo geral, mesmo apresentando algumas ressalvas.
    Abraço!

    "Palavras ao Vento..."
    www.leandro-de-lira.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Eu vi esse livro no site da Young e eu to namorando ele a muuuuito tempoo, ótima resenha, parabéns, já to seguindo o blog Juh!

    garotoliterariio.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Gostei da resenha Carol. Aprecio bastante histórias medievais, mas é uma pena que esta especificamente não tenha sido tão bem desenvolvida. Beijo!

    www.newsnessa.com

    ResponderExcluir
  7. Eu li esse livro com grandes expectativas justamente pela relação da capa, é kkk por isso esse livro acabou me decepcionando um pouco, também fiz resenha dele lá no blog, mas acho que com certeza lerei uma continuação caso haja kkk

    ❥Blog:Gordices Literárias

    ResponderExcluir
  8. Oi, Carol!
    Eu já tinha visto por alto sobre esse livro. Depois que li sua resenha, fiquei curiosa por que você trocaria o título
    Beijos
    Balaio de Babados
    Participe do sorteio Mês das Mulheres em Dobro
    Porcelana - Financiamento Coletivo

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.