Entrevista com escritor Chérri Filho

Olá Romeus e Julietas! Hoje trago entrevista com o escritor E. Chérri Filho. Ele é jornalista e tem diversos livros de ficção publicados, assim como literatura jornalística também. Nós do Monólogo de Julieta, convidamos o autor para um bate-papo super animado que você confere agora. Em breve, postarei resenha do livro Hani Hamrita- Como é grande o meu amor por você, que foi escrito por Chérri. 

O Outono em New York se apresentou diferente naquele ano. A natureza com suas folhas em tons avermelhados criou um cenário perfeito para os apaixonados.Foi nesse cenário que o destino reescreveu a história de Adam, apresentando-lhe Hani Hamrita. Uma história emocionante, com um final surpreendente. Lançamento Brasil e Europa.
ISBN-10: 9895105479
Ano: 2013 
Páginas: 303
Idioma: português 
Editora: CHIADO PORTUGAL


Monólogo de Julieta-Como iniciou o desejo de ser escritor?
Chérri Filho-Um dia eu estava num escritório de um cunhado há alguns anos e lá busquei um papel e uma caneta e escrevi  meu primeiro livro: Jesus Eu te Amo.
Monólogo de Julieta-Sabemos que o texto jornalístico é coeso e imparcial. Diferente do literário que é mais flexível. Com qual dos dois você se sente mais á vontade para escrever?
Chérri Filho-Como no jornalismo as escritas são amplas, porém nada parecidas. Prefiro os livros, me sinto neles. No jornalismo nada é meu somente a verdade.

Monólogo de Julieta-Qual desses livros é seu xodó? Por quê?
Chérri Filho-Como eh Grande o Meu Amor por Você. Foram 3 meses de prazer absoluto. O tema e o romance me possuíram.

Monólogo de Julieta-Nos conte um pouco sobre o universo de Marianas. De onde tirou inspiração para criá-lo? 
Chérri Filho-Eu sempre fui criativo e na escrita esse nunca foi ou será o meu problema. O meu maior desafio é o meu português...risos. Sou péssimo...melhorei um pouco.

Monólogo de Julieta-Em Hani Hamrita você mergulha no Afeganistão, trazendo um romance entre um homem ocidental e uma mulher do oriente. Nos conte um pouco do processo de escrita sobre esse livro. Foi difícil trabalhar com duas culturas totalmente diferentes?
Chérri Filho-Como você tem a prerrogativa de criar na literatura, tudo se torna possível e viável, basta imaginas e sonhar.

Monólogo de Julieta-Qual a maior dificuldade que encontrou para escrever o livro Mamonas assassinas o show deve continuar? Ele é um livro jornalístico? 
Chérri Filho-Sim puramente jornalistico. Simples e rápido como os Mamonas.

Monólogo de Julieta-Se pudesse ser personagem de um dos seus livros qual seria? Por quê? Chérri Filho-Nenhum. Ainda está por vir. (risos).

Monólogo de Julieta-Como seria seu paraíso literário? 
Chérri Filho-Ter opção de escolha de editoras. Acabar com as mentiras dessas editoras gráficas que roubam as pessoas prometendo mentiras.

Monólogo de Julieta-Com sente-se com a receptividade das pessoas que leram suas obras?
Chérri Filho-A maior felicidade é ser reconhecido por mexer com a emoção das pessoas. Saber que gostando ou não da sua literatura elas foram mexidas.

Monólogo de Julieta-Diga um autor preferido no Brasil? Por quê? 
Chérri Filho-Paulo Coelho. Não pela qualidade literária , mas pela ousadia.

Monólogo de Julieta-Diga um autor estrangeiro preferido? Por quê? 
Chérri Filho-Nikolas P. tem sensibilidade.

Monólogo de Julieta-Qual a dica que você daria para futuros escritores? 
Chérri Filho-Escreva. Escreva e escreva. Tente não ser ansioso para publicar e escolha a editora menos pior.

Monólogo de Julieta-Para encerrar gostaria de fazer um bate e volta com você.
Chérri Filho-
Uma pessoa: Jesus Cristo
Um desejo: Fama literária para eu poder falar o que eu quiser e como quiser. E não ficar 1 ano esperando a avaliação sei lá de quem para publicar.
Uma comida: Vegetariana
Uma bebida: Água
Uma frase: "Aprendi a não tentar convencer ninguém. O trabalho de convencer é uma falta de respeito, é uma tentativa de colonização do outro."
José Saramago
Animal de estimação: Gato
Filhos: 2 amo
Dinheiro: preciso de muito sempre.
Felicidade: Ligação com Deus.
Fama: Necessária
O mundo: De cabeça para baixo.
Chocolate: Se tiver eu traço. 
Falsidade: A pior forma de se comunicar.
Marianas: O meu xodó. O livro que me colocou entre os jovens leitores.


E. Chérri Filho nasceu em São Paulo. Jornalista e escritor, é autor de diversos romances e do roteiro de um documentário sobre o grupo musical Mamonas Assassinas. Trabalhou em veículos de comunicação em Washington, D. C. (Estados Unidos) e em Trento (Itália). Atuou como roteirista junto ao apresentador Fausto Silva e ao diretor de TV Roberto Manzoni, o “Magrão”, no SBT.


È autor ou tem um blog e quer ser entrevistado pelo Monólogo de Julieta? Basta enviar um mensagem pela página Contato através do formulário. 

8 comentários:

  1. Oi, Paloma!
    Eu já vi falar sobre o autor, mas foi bom conhecer mais um pouco sobre ele. Adorei a entrevista.
    Beijos
    Balaio de Babados
    Participe da promoção seis anos de Caverna Literária

    ResponderExcluir
  2. Vê sim, que ela é muito boa! ;D

    Bacana a entrevista. Eu como jornalista também concordo: no jornalismo nada é nosso. É apenas o fato!

    Ótima quinta!

    Beijo! ^^

    ResponderExcluir
  3. Olá, Paloma.
    Gostei bastante da entrevista. O livro me interessou bastante. Além da capa ser muito bonita, o romance parece ser bem caprichado também. Sem falar no preconceito que vai ser abordado no livro com certeza hehe.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
  4. Oi Paloma,
    Parabéns pela entrevista. Não conhecia o autor e nem sua obra. Vou aguardar a resenha para saber sua opinião.
    Bjs e uma ótima noite!
    Diário dos Livros
    Siga o Twitter

    ResponderExcluir
  5. Muito interessante! =)

    www.anafernandes.ch

    ResponderExcluir
  6. Gostei muito de conhecer um pouco mais sobre o autor e sobre as obras dele! Tenha um dia abençoado, beijos.

    Blog Paisagem de Janela
    paisagemdejanela.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  7. nossa, super bacana conhecer esse livro e ainda conhecer o autor tbm com essa ótima entrevista

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir
  8. Adorei a entrevista! Sucesso pro autor! Esse livro lançamento dele parece super interessante

    xx Carol
    http://caverna-literaria.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.