Resenha- Dois Mundos- Simone O. Marques

Marques, Simone O. Dois Mundos / Simone O. Marques. –São Paulo: Butterfly, 2016.
Num futuro distópico, Marina é uma jovem brasileira que carrega a força e os poderes de três grandes deusas celtas. Ela é aquela que cria, acolhe e mata. Protegida por guerreiros, perseguida por mortais e desejada por deuses, precisa encontrar os míticos tesouros da Tribo de Dana se quiser salvar o que restou do mundo... Ano de 2021. A Terra está devastada e poucos são os sobreviventes. No Brasil, grupos se reúnem em pequenas vilas em torno da água potável. O oásis neste caos fica na Chapada dos Veadeiros, na Fazenda Tribo de Dana, onde vive um povo guerreiro que acredita tudo ser parte dos planos da Grande Mãe. Neste paraíso vive Marina. Considerada o avatar de três grandes deusas celtas, precisa lidar com poderes diversos de cura, vida e morte. Ao abrir o véu que separa o mundo de mortais e deuses, a jovem liberta antigas divindades. E dois domínios distintos estão prestes a colidir quando ela descobre que detém nas mãos o destino da humanidade.
Classificação:

Ficha Técnica
ISBN-10: 8568674100
Ano: 2016 
Páginas: 256
Idioma: português 
Editora: Butterfly editora

Notas
Capa: 10/10
Conteúdo: 07/10
Diagramação: 10/10
Conceito Geral: 80/100

Um novo Mundo
Por Paloma Viricio
Visão Geral
Ela tinha poderes e não podia usá-los, era apenas um casulo, mas suas ações podiam destruir toda a sua família e a tribo. O que deveria fazer, afinal?”, p.57. O mundo havia mudado e o cenário das terras tupiniquins não ficou de fora. O territorialismo era algo do passado. Imagine você encontrar o Brasil em um cenário distopico daqueles... Tudo causado pela força da natureza em consequência da ira das Deusas. Bom, já começo essa resenha parabenizando a autora pela descrição impressionante desse cenário. Me imaginei vendo um daqueles documentários dignos do History sobre a Terra após o fim do mundo. Esse sim é o ponto que mais me impressionou durante o livro todo, o modo como a autora usava a arte da descrição para construir um cenário muito interessante para os leitores.

Fora isso, para os amantes de fantasia temos um linha interessante de romance. Dois mundos é o primeiro livro da série Tesouros da tribo de Dana. Ele mistura magia, fantasia, cultura dos antigos celtas, além de presentear os leitores com diversas lendas interessantes. Como se trata do primeiro de uma série, como já disse, é interessante relatar que faz papel de um livro introdutório. A leitura é um pouco lenta até mais ou menos a página 100, depois disso, a coisa começa a esquentar de verdade. Apesar das cenas de ação, ainda assim, ficou muita coisa em aberto. Temos oportunidade de conhecer os personagens principais, mas acredito que os outros livros a autora ainda irá explorar outros personagens secundários que tem potencial.

Em algumas partes o leitor que não conhece os costumes, tradições e deuses Celtas pode se confundir um pouco. Mas, nada que uma pesquisa sobre paganismo, celtas, druidas não resolva. O que não faz esse detalhe ser um ponto negativo. Entretanto, o romance que se desenrolou entre os personagens ficou um pouco confuso. Eu sinceramente não entendi onde a autora queria chegar. Não entrava na minha cabeça se aquilo era um triângulo amoroso, misturado com paixonites platônicas. Isso sim, me confundiu demasiadamente. “Artur viu a tristeza cruzar os olhos da deusa e um bolo se formou em seu estômago. O que ele havia dito para deixá-la daquela maneira? Não podia nem pensar em ser capaz de magoá-la! Ali, a seu lado, ela parecia tão frágil e infantil com aquela fruta apertada nas mãos, que ele sentiu vontade de abraçá-la, mas não era louco como Brian e não se deixaria levar pelo impulso que poderia condená-lo”, p.77.


Dois mundos é um livro repleto de originalidade, mas em alguns momentos a lembrança de Alice no País das Maravilhas vinha forte. Algumas cenas me faziam recordar cenários e personagens do livro de Lewis Carroll misturada com a essência celta... Bom, podemos falar um pouquinho das personagens? Marina é a principal, confesso que no começo não fui muito com a cara dela. Sei lá...tinha um dualismo nessa menina que me incomodava demais. Até o final da trama ela não conseguiu me conquistar completamente, apenas a suportei. No início dava a impressão de ser uma mulher forte, decidida, mas depois parece que ficou boboca por causa do romance ou perdeu a força quando viu que o bicho estava pegando. O título de casulo caia muito bem para ela. Me desculpe, mas essa personagem terá que evoluir muito para me conquistar nos livros futuros. Os Guerreiros de Dana Artur e Brian, são muito parecidos, mas ao mesmo tempo diferentes. Sei lá...eles são muito robotizados também.

Pedro que é um amigo de Marina me agradou mais do que qualquer outro. Ele é doce, sincero, decidido. Foi, sem duvida quem eu mais gostei além dos personagens do outro mundo... os Deuses, Deusas, Fadas... etc. “Os olhos de Brian brilhavam enquanto ele chupava o sangue doce e quente, que o levou para o meio de uma nuvem azulada, em que rosto de três mulheres se misturava e sorriam para ele. Era a deusa, em sua face tríplice, tinha certeza. Era um lembrete sobre quem ela realmente era...”, p.102. Bom, Dois Mundos é um livro agradável. Para quem gosta de fantasia é um prato cheio, mas espero mais da trama nos próximos livros.

Design e diagramação


A diagramação desse livro é muito bem feitinha. No começo de cada capítulo tem desenhos bem bonitos como o símbolo da triqueta. Amei também o carinho com que o livro foi enviado. Mandaram ele junto com marcador, uns cards com as imagens das personagens (postei no Instagram) e um post-it escrito tenha uma boa leitura. A capa está muito bonita e combina perfeitamente com a trama e também tem uns detalhes em auto relevo adesivado que ficou muito legal. As cores estão em harmonia, tudo de muito bom gosto. O miolo foi impresso em papel pólen, letras e espaçamento estão em tamanhos adequados.

Sobre a autora


Simone O. Marques nasceu em São Paulo no mesmo ano em que aconteceu o festival de Woodstock e que o homem pisou na Lua pela primeira vez. Casada, mãe de uma historiadora e apaixonada por histórias de ficção e fantasia. Desde então, já teve vários títulos editados. É autora da saga histórica As Filhas de Dana, da série de vampiros Sabores do Sangue, e das séries de aventura fantástica Os tesouros da Tribo de Dana e Crônicas do Reino do Portal. Possui contos publicados nas antologias Draculea; Grimoire dos Vampiros; Elas Escrevem; Marcas na Parede; No mundo dos Cavaleiros e Dragões; Tratado Secreto da Magia; Extraneus (volume I, Medieval Sci-Fi); Histórias Fantásticas (volume I); Asgard: a saga dos nove reinos; Espectra; A Batalha dos Deuses; e Martelo das Bruxas (prefaciadora). Fonte: Editora Butterfly.


Licença Creative Commons
O trabalho Um novo mundo de Paloma Viricio foi licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição - NãoComercial - SemDerivados 3.0 Brasil.


Obs.: Todos os textos produzidos neste blog são da minha autoria e estão registrados. Se utilizá-los, por favor lembre-se dos créditos.  

22 comentários:

  1. Olá, Paloma.
    Eu gostei bastante da edição, está maravilhosa. E a história é boa. O que me irritou foram os protagonistas. Achei eles muito infantis para a idade e para o que estavam vivendo.

    Prefácio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkk Exatamente o que também achei. Como disse, Marina não me conquistou e os meninos eram muito mecânicos o tempo todo. Eu sei lá... também o aparente triângulo amoroso me incomodou. Mas... o livro é bom.

      Excluir
  2. Dá pra ver pela sua resenha que a história é bem criativa e original, embora a autora claramente goste um pouco de Alice no país das maravilhas hahaha achei a capa linda e delicada, vou deixar a dica anotada já. Sucesso pra autora, e parabéns pela resenha!

    xx Carol
    http://caverna-literaria.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkkk É...tem muitas partes que me fizeram lembrar muito Alice. A capa é linda mesmo. Boa leitura!

      Excluir
  3. Oi Paloma,
    É a segunda resenha que leio desta obra e ressalto os elogios.
    Sempre há alguém para me indicar a obra, preciso ouvir vocês, rs.
    Adorei sua resenha!
    Beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Opa!! Muito bom!! Eu indico...espero que tenha um boa leitura

      Excluir
  4. Nossa, achei a história bem interessante, diferente. Fiquei curiosa.

    Beijos ♥

    Jéssica || Fashion Jacket
    www.fashionjacket.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É sim, flor! Bem diferente...pode ler que vai gostar

      Excluir
  5. Oi Paloma, tudo bem?
    Achei linda a diagramação e a capa.
    A premissa também é criativa e diferente. Parece um bom livro. =)
    Beijos,

    Priih
    Infinitas Vidas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OIee! Tudo sim! Sim...diagramação desse livro ficou show!
      Leia, vai gostar!

      Excluir
  6. Que interessante, gosto muito de histórias que nos fazem imaginar sobre o futuro, é bem curioso. Gostei muito da resenha e me interessei em ler esse livro, vai entrar para a lista com certeza!
    Bjs Larissa

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. SIm! Eu também, por isso que um dos meus gêneros favoritos é Distopia!! Leia e depois me diga o que achou!

      Excluir
  7. Legal, Achei muito interessante! Fiquei curiosa pra ler o livro.
    Sucesso
    Beijoss
    https://glamour-02.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leia sim, meu anjo! Tenho certeza que serão momentos proveitosos.

      Excluir
  8. Deve ser bem interessante esse livro.
    big beijos

    ResponderExcluir
  9. Oiee, tudo bem??

    Que linda resenha!! Adorei a proposta. Adorei saber também que a autora já escreveu e publicou mais livros, isso só mostra que ela deve ser muito talentosa mesmo <3 Apesar de um detalhes chatinhos, percebi que gostou da obra. Beijos,

    www.estranhoscomoeu.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiee minha linda! Tudo e voce? Sim... escreve bem ela, viu! Sim gostei. Vale dar uma chance.
      Beijos,
      Monólogo de Julieta

      Excluir

Tecnologia do Blogger.